nsc
an

Morte no trânsito

Motociclista morre ao ser atingido por carro em Garuva

Outros motociclistas que passavam pelo local tentaram agredir motorista do veículo após acidente

01/08/2021 - 10h44

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Carro atingiu a moto e um poste na avenida Celso Ramos, em Garuva
Carro atingiu a moto e um poste na avenida Celso Ramos, em Garuva
(Foto: )

Um motociclista de 28 anos morreu ao ser atingido por um carro em Garuva, no Norte de Santa Catarina. O acidente de trânsito aconteceu por volta das 23h15 do último sábado (31) na avenida Celso Ramos. O veículo ainda atingiu um poste e deixou parte da cidade sem energia elétrica.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Segundo os Bombeiros Militares, o motociclista foi encontrado inconsciente e com politraumatismo. Willian Modesto foi encaminhado ao pronto-atendimento e durante o deslocamento entrou em parada cardiorrespiratória.

Os bombeiros instalaram um desfibrilador externo automático e realizaram as manobras de reanimação. A vítima foi deixada aos cuidados do pronto-atendimento, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde.

O motorista do Ford Ranger, de 52 anos, apresentava escoriações no rosto e possível fratura, com suspeita de hemorragia interna. Enquanto os bombeiros realizavam o atendimento do motorista, outros motociclistas que passavam pelo local tentaram agredir o homem, mas foram impedidos pelos socorristas.

A Polícia Militar foi chamada para auxiliar na segurança até que o motorista do carro foi encaminhado para o pronto-atendimento. A perícia também esteve no local.

Devido à colisão do carro contra o poste, alguns pontos do município ficaram sem energia elétrica durante a madrugada. A Celesc foi chamada para restabilizar o abastecimento.

Willian Modesto tinha 28 anos e foi atingido pelo carro
Willian Modesto tinha 28 anos e foi atingido pelo carro
(Foto: )

Leia também:

Filha acordou com tiros e encontrou corpos após pai matar a mãe em Araquari

Professor de Itapoá é condenado a 31 anos de prisão por estupro de três alunas

Colunistas