nsc
hora_de_sc

Violência contra mulher

Mulher assassinada dentro de casa em Florianópolis é identificada

Vítima foi encontrada com um corte no pescoço. Suspeita é de feminicídio

05/10/2020 - 13h54 - Atualizada em: 05/10/2020 - 14h00

Compartilhe

Por Guilherme Simon
Dpcami de Florianópolis
Caso é investigado pela Dpcami da Capital
(Foto: )

A mulher encontrada morta com um corte no pescoço dentro da própria casa em Florianópolis teve a identidade divulgada na tarde desta segunda-feira (5). A vítima foi identificada como Vanessa Souza de Borba, de 24 anos, segundo o Instituto Geral de Perícias (IGP). Ainda segundo o IGP, ela era natural de Lages, na Serra catarinense, mas morava na Capital.

> Pai suspeito de matar a filha de 3 meses é preso em Florianópolis

O corpo de Vanessa foi encontrado pelo pai na noite deste domingo (4). Ele foi até a casa da filha, no bairro Rio Vermelho, no Norte da Ilha, porque ela não tinha mais feito contato com a família. A mulher morava sozinha na residência.

Segundo a Polícia Civil, o caso é tratado como feminicídio, e o ex-namorado da vítima é o principal suspeito. Até o início da tarde desta segunda, o homem ainda não havia sido localizado.

Vanessa foi encontrada com um corte no pescoço e a boca coberta por um pano. O crime é investigado pela Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (Dpcami) da Capital.

De acordo com o delegado Gustavo Kremer, responsável pela investigação, a suspeita é que o ex-namorado da vítima tenha cometido o feminicídio porque não concordava com o fim do relacionamento.

> Filha de homem morto em briga por cocô de cachorro desabafa: "estava feliz reformando a casa"

— A informação que temos é que o suspeito não aceitava o término do namoro e vinha perseguindo a vítima. Não havia outros sinais de violência além do corte no pescoço. A suspeita é que ela tenha sido morta na madrugada de sábado (3), mas estamos aguardado os resultados da perícia para ter informações mais precisas — declarou o delegado.

Colunistas