nsc

    Covid-19

    Novas liberações na Grande Florianópolis: municípios alinham últimos detalhes

    Decreto com flexibilizações, dentro do cenário atual de coronavírus, deve ser publicado ainda nesta terça-feira (1°)

    01/09/2020 - 12h47 - Atualizada em: 01/09/2020 - 13h23

    Compartilhe

    Leandro
    Por Leandro Lessa
    Medidas iguais serão seguidas entre municípios da Grande Florianópolis
    Medidas iguais serão seguidas entre municípios da Grande Florianópolis
    (Foto: )

    O decreto com medidas menos restritivas na Grande Florianópolis, dentro dos cuidados para evitar a propagação de coronavírus, deverá ser divulgado até o final da tarde desta terça-feira (1º). As regras valem para as quatro cidades mais populosas, localizadas em uma área conurbada, mas podem ser seguidas por outros municípios da região.   

    Após decretos diferenciados de Biguaçu e Palhoça, o protocolo volta a ser único para a Grande Florianópolis, conforme antecipado na CBN Diário. Durante a manhã desta terça, os quatro prefeitos das principais cidades da região se reuniram para definir os últimos detalhes, antes da divulgação do texto em conjunto. 

    Entre os motivos alegados para a flexibilização, estão a redução na taxa de ocupação de leitos de UTI - já foi de 94%; agora está em algo próximo a 60% - e a estabilização com tendência de queda no número de casos de covid-19 na região. A Grande Florianópolis está em nível grave de acordo com o monitoramento do governo de SC - outras cinco áreas do estado estão em nível gravíssimo. 

    Confira alguns detalhes sobre as novas liberações na Grande Florianópolis: 

    Utilização da faixa de areia para atividades físicas - já havia sido confirmada além do surfe e pesca, os exercícios físicos passarão a ser liberadas também nas praias, nas arenas localizadas nos balneários, além dos esportes como beach tennis e vôlei de praia, com regras já estabelecidas e dentro daquelas atividades que são permitidas pelo Estado. Os detalhes sobre as práticas serão divulgados no protocolo único. 

    > Confira a coluna de Renato Igor no NSC Total, que já havia adiantado sobre a liberação de esportes nas praias e na Beira-Mar Norte.

    Segundo a prefeitura de Florianópolis, em informações repassadas durante o programa Direto da Redação desta terça, a decisão é baseada em um artigo internacional de credibilidade recente sobre a importância de exercícios físicos no combate à covid-19, além dos benefícios da exposição ao sol e buscar alternativas para minimizar distúrbios psicológicos, diante do longo tempo da população em distanciamento social. 

    Utilização de espaços públicos para atividades físicas - a liberação das atividades físicas em praças e parques - incluindo a Beira Mar Norte e Continental - será de segunda a sexta-feira. O uso destes pontos durante os fins de semana será avaliado - principalmente a respeito de possibilidade de aglomeração - após a publicação do decreto. As regras a seren seguidas serão detalhados no protocolo. 

    Mesas de restaurantes nas praias - limite de quatro clientes por mesa e distanciamento entre as mesas. 

    Músicos em restaurantes - Segundo o novo protocolo, deverá haver uma divisão (de vidro ou acrílico) entre os profissionais e o público, além de um distanciamento entre os próprios músicos, sem estarem aglomerados no palco. A apresentação terá limite de decibeis e deverá ser em ambiente que possua algum tipo de ventilação. 

    > Confira a coluna de Leo Coelho no NSC Total, que antecipou sobre a música ao vivo liberada em Florianópolis nesta semana

    Cursos livres - a permissão passa também para as atividades na Capital, valendo o funcionamento a partir desta quarta-feira (2). As regras serão divulgadas no protocolo. Essa modalidade inclui o ensino de idiomas, cursos de gastronomia e de beleza, entre outros. A liberação dos cursos livres pelo governo de SC para esse setor havia ocorrido no final de maio

    Ouça as informações:

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas