O relatório da Defesa Civil divulgado nesta quarta-feira (30) aponta que subiu para oito o número de cidades de Santa Catarina que estão em situação de emergência. O documento acrescenta dois municípios: Araquari e Campo Alegre, em relação ao divulgado na terça-feira (29). A chuva em SC tem causado alagamentos e deslizamentos na região Norte e no Vale do Itajaí desde sábado (26).

Continua depois da publicidade

Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Atualizado às 13h30min, o relatório da Defesa Civil afirma que Araquari, São Bento do Sul, Joinville, Luiz Alves, Corupá , Guaramirim, Rio dos Cedros e Campo Alegre emitiram decretos de situação de emergência. As prefeituras de Timbó e Shroeder estão desde terça providenciando a documentação para emitir também os decretos.

Mais de 15 famílias estão isoladas há 4 dias em Guaramirim: “A gente come o que tem”

No começo da noite desta quarta, mais três cidades decretaram situação de emergência: São José, Palhoça e Antônio Carlos, todas na Grande Florianópolis.

Continua depois da publicidade

Desde sábado, o Estado contabiliza cerca de 180 desalojados e 13 desabrigados, sendo oito em Rodeio e cinco em Guaramirim, conforme dados informados pelas Coordenadorias Municipais de Proteção e Defesa Civil. O governo estadual iniciou a entrega de itens de assistência humanitária nos municípios de São Bento do Sul e Joinville.

O acidente mais grave até o momento causado pelas chuvas ocorreu na BR-367, rodovia que liga Paraná com SC, onde uma grande quantidade de terra deslizou, atingindo carros e caminhões que estavam na estrada. De acordo com os bombeiros, a estimativa é de ao menos 30 vítimas no local, e pelo menos 19 famílias entraram em contato em busca de desaparecidos. Até a manhã desta quarta-feira (30), duas mortes foram confirmadas.

Chuva forte dificulta acesso às vítimas na tragédia da BR-376, diz bombeiros

Outras rodovias de SC também tem pontos interditados. Entre elas está a SC-418, Serra Dona Francisca, no Norte do Estado, que voltou a ter um ponto de interdição total após um deslizamento nos kms 17 e 22. Nos Kms 21 e 41, o trânsito está em meia pista. A Serra de Pomerode, na SC-110, no Vale do Itajaí, está com pontos em meia pista, devido a um desabamento parcial da pista.

A Serra do Rio do Rastro, na SC-390, está liberada, mas em observação. É recomendado adotar rotas alternativas, como a SC-370.

Continua depois da publicidade

Na Grande Florianópolis, as chuvas causaram a queda de uma ponte no bairro João Paulo, que deixou duas famílias ilhadas.

Previsão para os próximos dias

A previsão do tempo da Defesa Civil aponta que Santa Catarina continuará a ter chuvas fortes e instabilidades nos próximos dias. Um sistema de baixa pressão pode também provocar pancadas de chuva e temporais isolados em SC. Eles podem ainda vir acompanhados de raios, rajadas de vento e eventual queda de granizo.

Leia também

Suspeito de assassinar mulher encontrada carbonizada em cama em SC é preso

Joinville terá instalação de coordenadoria técnica da Funai

SC confirma a primeira morte por varíola dos macacos

Destaques do NSC Total