nsc
    santa

    PANDEMIA 

    Oktoberfest Blumenau 2020: festa só ocorrerá "se tudo estiver resolvido", diz secretário de Turismo

    Organização discute alterações na Oktober deste ano, mas afirma que decisões só serão tomadas em maio, dependendo do cenário do novo coronavírus 

    21/04/2020 - 09h06

    Compartilhe

    Augusto
    Por Augusto Ittner
    No ano passado, 576 mil passaram pela Oktoberfest de Blumenau.
    No ano passado, 576 mil passaram pela Oktoberfest de Blumenau.
    (Foto: )

    O cancelamento da Oktoberfest de Munique, na Alemanha, oficializado nesta terça-feira (21) por conta do coronavírus, trouxe a discussão também a Blumenau. A menos de seis meses do evento, a Secretaria de Turismo debate o cenário e avalia possibilidades para a festa mais alemã das Américas, prevista para começar em 7 de outubro.

    > Em site especial, saiba tudo sobre o novo coronavírus

    De acordo com o secretário de Turismo e Lazer e presidente do Parque Vila Germânica, Marcelo Greuel, a prefeitura de Blumenau já monitorava um possível cancelamento da Oktober da Alemanha e que essa decisão da “festa mãe” não foi uma surpresa. Mesmo assim, admite que isso impacta no planejamento dos 19 dias do evento blumenauense.

    O cenário em maio é tratado internamente como crucial. É no mês que vem, dependendo da situação local e mundial de casos da Covid-19, que os organizadores tomarão uma decisão. Cancelar é uma atitude considerada extrema, pelo fato de a Oktoberfest de Blumenau gerar empregos diretos, indiretos, movimentar a economia e ter caráter social — com doação de parte do lucro para combate às drogas e ao fomento do esporte, por exemplo.

    > Quer receber notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp? Clique aqui e entre no grupo do Santa

    Greuel destaca que há alterações no radar. Questionado pela reportagem se isso poderia ocorrer em datas, diminuição de dias de festa ou de setores na Vila Germânica, o secretário de Turismo alegou que a organização “tem estudado vários cenários” e que se for necessário fazer mudanças, “nada está descartado”. Mas tudo vai levar em conta a importância da Oktoberfest no cenário econômico e social.

    Leia também: Governo de SC anuncia abertura de igrejas, shoppings e academias; Estado tem 1.063 pacientes com coronavírus

    E mais: Mapa interativo mostra a evolução do novo coronavírus em Santa Catarina; veja os detalhes

    — São 3 mil empregos diretos, outros milhares indiretos, 800 músicos, injeção na economia de cerca de R$ 240 milhões, produção do evento, cervejarias, pipoqueiro, Uber. São mais de 60 setores atingidos. Não são decisões simples, porque impactam muita gente — defende Marcelo Greuel.

    O secretário de Turismo e Lazer completa:

    — Tenho certeza que em 1984, com aquela catástrofe das enchentes, se existissem mídias sociais, a Oktoberfest não teria acontecido. Existe um desconhecimento completo sobre a importância da festa. Oktober não é só economia, o lado social também é muito forte.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas