nsc
an

Confusão

Operação combate "gatos" de energia e moradores protestam em São Francisco do Sul

Estimativa da Celesc é de que aproximadamente 1,5 mil residências estivessem irregulares

21/09/2021 - 14h15

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Moradores colocaram fogo em pneus e bloquearam rodovia em São Francisco do Sul
Moradores colocaram fogo em pneus e bloquearam rodovia em São Francisco do Sul
(Foto: )

Uma operação para combater as ligações irregulares de energia elétrica, conhecidas como "gatos", foi realizada nesta terça-feira (21) na região do Ervino, em São Francisco do Sul. Celesc e Polícia Militar foram ao local para desligar as conexões clandestinas e alguns moradores fizeram um protesto contra a ação.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

A operação teve início na madrugada na região Norte da praia do Ervino. Segundo a Celesc, é a terceira ação realizada pela companhia no local desde 2019. A estimativa é de que aproximadamente 1,5 mil residências estivessem irregulares, de acordo com a empresa.

A companhia informou que a praia do Ervino consome, em média, 9,5 mil kWh por ano, mas apenas 4,1 mil kWh são faturados regularmente, o que representa 55%. Isso é equivalente a um preuízo de R$ 4 milhões por ano para a Celesc e instituições federais, estaduais e municipais, segundo a empresa.

A Celesc informou que a operação visava a regularização da localidade e que a intenção principal é o fornecimento de energia com segurança para todos os moradores.

Durante a operação nesta terça-feira, uma manifestação organizada pelos moradores do Ervino bloqueou a estrada de acesso à região. Eles queimaram pneus e fecharam a rodovia em protesto contra a ação de desligamento das ligações elétricas.

As secretarias de Infraestrutura e Meio Ambiente de São Francisco do Sul informaram que estão agendando uma reunião entre os moradores do Ervino, o Ministério Público, a Câmara de Vereadores e a Celesc para buscar uma solução definitiva para esse caso.

A prefeitura de São Francisco do Sul informou que está à disposição dos moradores que queiram regularizar as suas moradias e ligações elétricas.

Leia também:

Defensoria faz recomendação em Joinville sobre regularização de imóveis

Norte de SC tem 11 cidades acima da média estadual na vacinação com duas doses contra Covid

Golfinho ameaçado de extinção é salvo de rede de pesca em São Francisco do Sul

Jovem é preso suspeito de estuprar a irmã de 6 anos em Rio Negrinho

Colunistas