nsc
dc

Fique atento

Outubro começa com previsão de chuva forte e volumosa em SC

Apesar da previsão, o fenômeno La Niña deve deixar o volume de chuvas abaixo da média no próximo trimestre

30/09/2021 - 05h00 - Atualizada em: 30/09/2021 - 08h17

Compartilhe

Gabriela
Por Gabriela Figueiredo
Apesar da chuva forte, o próximo trimestre terá volume de chuvas abaixo da média
Apesar da chuva forte, o próximo trimestre terá volume de chuvas abaixo da média
(Foto: )

As chuvas e temperaturas altas devem fazer Santa Catarina começar outubro em alerta para chuva intensa e volumosa. Nesta sexta-feira (1), perturbações de médio e alto nível na atmosfera, combinadas com o deslocamento de uma área alongada de baixa pressão sob o Estado com o Rio Grande do Sul tendem a causar temporais isolados com alto volume de chuva.

As informações são da Defesa Civil, que avisa sobre o risco moderado a alto de ocorrências relacionadas a esse tempo.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

No amanhecer desta quinta (30), a previsão é de máxima de 20°C, e a tarde deve ser nublada com temperaturas de até 25°C no Litoral Sul, na região de Lages, e 16°C no Planalto Sul, próximo a Criciúma. No restante do Estado, a média varia entre 17°C a 22°C.

Na sexta, outubro começa com condições que possibilitam pancadas de chuva com temporais isolados, em especial, na região Centro-Leste de SC. Há risco de moderado a alto para estragos relativos a chuva volumosa, segundo a Defesa Civil.

Mas, de acordo com previsões da Epagri/Ciram, as chuvas não deverão ser mais frequentes. No decorrer de outubro, novembro e dezembro o fenômeno La Niña, que afeta Santa Catarina nesse período, fará que o volume de chuvas venha, inclusive, abaixo da média. Neste mês pode haver episódios de chuva mais intensos, mas devem diminuir conforme o trimestre avança.

Leia também

Balneário Camboriú vai à Dubai original em busca de investimento

Flores da primavera: como plantar e cultivar

Cobra é encontrada viva dentro de couve-flor em Florianópolis

Colunistas