nsc
dc

Crime

Paciente chama funcionário de hospital de “macaco” e é preso no Sul de SC

Homem ameaçou a agredir o porteiro da unidade; caso aconteceu na noite de segunda-feira (27)

28/09/2021 - 12h21

Compartilhe

Catarina
Por Catarina Duarte
Homem foi levado para delegacia após o caso de injúria
Homem foi levado para delegacia após o caso de injúria
(Foto: )

Um homem de 39 anos foi preso em Tubarão, no Sul catarinense, após chamar um funcionário do Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC) de “macaco”. O caso aconteceu na noite de segunda-feira (27).

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Segundo a Polícia Militar, o homem era um paciente e aguardava atendimento quando começou a ofender o funcionário. A vítima atua na portaria da unidade e segundo a administração do HNSC é um servidor terceirizado.

A vítima também teria sido ameaçada de agressão pelo paciente. O caso foi registrado como injúria racial pela Polícia Militar. O crime está previsto no artigo 140, parágrafo 3º, do Código Penal. Ele estabelece pena de um a três anos de reclusão e multa.

O homem foi levado até a delegacia. Segundo a Polícia Civil, foi preso e conduzido ao presídio da região.

O Hospital Nossa Senhora da Conceição disse que a equipe jurídica acompanha os fatos.

Leia também 

Nota do Brusque provoca indignação e coloca clube no centro do debate sobre racismo

Ataques racistas a influenciadores de Balneário Camboriú acabam em denúncia na Justiça

"Fizeram meu filho e minha esposa chorar", diz Celsinho sobre caso de racismo em Brusque

Colunistas