nsc

publicidade

Segurança

Polícia prende suspeitos de integrar facção criminosa, roubar casas e amarrar vítimas em Joinville

Um dos suspeitos foi baleado durante troca de tiros com os policiais e morreu a caminho do hospital

14/11/2018 - 05h31 - Atualizada em: 14/11/2018 - 12h33

Compartilhe

Por Redação NSC
Quatro presos foram encaminhados à Central de Polícia de Joinville
Quatro presos foram encaminhados à Central de Polícia de Joinville
(Foto: )

A Polícia Civil de Santa Catarina (PC/SC) prendeu quatro suspeitos de integrar uma quadrilha que roubava casas e amarrava as vítimas na zona Norte de Joinville. Um quinto suspeito foi morto durante troca de tiros com a polícia. De acordo com o delegado Murillo Batalha, da Divisão de Investigação Criminal (DIC), a operação aconteceu por volta das seis horas da manhã desta quarta-feira (14), no bairro Vila Cubatão.

O grupo é suspeito de roubar casas, principalmente no Distrito de Pirabeiraba. Conforme o delegado, os suspeitos entravam nas residências, amarravam as pessoas, as agrediam e retiravam os bens.

A primeira ação criminosa foi registrada no dia 30 de setembro e passou a ocorrer durante noites seguidas, nos dias 1º de outubro, 3, 4, 5 e 11 do mesmo mês. Em todos os casos atitudes comuns foram verificadas, os suspeitos se dirigiam até a residência escolhida com um Fiat Palio e tinham o intuito de, em cada casa, roubar o veículo da família.

dinheiro, drogas, armas e munição foram apreendidos durante a operação policial
dinheiro, drogas, armas e munição foram apreendidos durante a operação policial
(Foto: )

As ações duravam, em média, 50 minutos. Os objetos eram colocados dentro dos automóveis das vítimas e parte do grupo fugia com os pertences, enquanto os outros retornavam com o Pálio. Um dos carros levados chegava a custar R$ 100 mil. Parte dos produtos foram recuperados pela polícia na época dos fatos.

As investigações foram abertas pela DIC ainda em setembro e resultou no cumprimento de 14 mandados de busca e apreensão e quatro de prisão nesta quarta-feira, uma quinta pessoa foi presa em flagrante em posse de armas e drogas.

Dos cinco presos, quatro serão encaminhados à Central de Polícia de Joinville e um deles foi baleado durante a ação após trocar tiros com a polícia. O homem chegou a ser socorrido, mas não resistiu ao ferimento e morreu a caminho do hospital. Ele já tinha passagens pela polícia e, conforme o Instituto Médico Legal (IML), a família ainda não apareceu para reconhecer o corpo.

A Polícia Civil ainda apreendeu drogas, armas e munições na residência dos assaltantes. A Polícia Militar (PM) também participa da operação. Conforme o delegado Murillo Batalha, todos foram presos em flagrante e encaminhados à DIC, seguindo para o Presídio Regional de Joinville. Ao todo, os quatro devem responder pelo crime de roubo e um também por tentativa latrocínio.

Leia mais:

Homem é preso suspeito de agredir filho de um mês em Joinville

Caminhonete roubada no Amazonas é localizada na BR-101, em Joinville

Sete detentos serram as grades e fogem da unidade prisional de Canoinhas

Deixe seu comentário:

publicidade