nsc
nsc

Pele e cabelos

Queda de cabelo e alterações na pele: veja o que pode ser

Esses sinais podem indicar alguma alteração na saúde emocional ou física

31/01/2022 - 15h00

Compartilhe

Portal
Por Portal EdiCase
Entenda o que o seu corpo diz
Entenda o que o seu corpo diz
(Foto: )

Conhecer-se é um dos primeiros passos para ter uma vida equilibrada e saudável. Isso é fundamental para identificar qualquer alteração, seja na saúde física ou emocional. Assim, é mais fácil entender os sinais que o corpo dá, o que facilita o diagnóstico antecipado de problemas de saúde e o tratamento adequado.

> Quer receber notícias por WhatsApp? Inscreva-se aqui

Atenção às mudanças no corpo

Às vezes, os sinais de que algo não está funcionando bem são sutis, por isso é fundamental se analisar. “Podemos ficar atentos a toda e qualquer mudança no nosso corpo, principalmente, mudança de cor na pele e nos olhos, fadiga excessiva, mudança de humor, dores”, alerta Ana Beatriz Cintra, psicóloga e autora do livro Mudando sua história – Obesidade nunca mais.

​​> Conheça os tipos de estrias e o melhor tratamento para cada um

Manifestações na pele

A pele costuma ser um ótimo termômetro para ajudar a identificar sinais de uma doença interna, como no caso do hipotireoidismo. “Antes do cansaço e do ganho de peso, a pele e seus anexos já expressam a doença. Desta maneira, os primeiros sintomas são queda de cabelo, pele mais seca e frágil e unhas quebradiças”, explica a dermatologista Meire Gonzaga.

> Alimentos que influenciam na saúde e beleza da pele

A anemia é outra doença que também pode apresentar alguns sintomas visíveis na pele e nos cabelos. “Os primeiros sintomas são observados nos cabelos, que começam a cair, e na pele e mucosas, que ficam mais pálidas”, afirma Meire Gonzaga.

Queda de cabelo

A queda dos fios é um processo natural, mas é preciso prestar atenção se ela se tornar excessiva. “A queda de cabelo, particularmente nas mulheres, pode ser causada por uma variedade de patologias – hormonais, nutricionais, inflamatórias”, afirma Cristiane Braga, especialista em clínica médica, dermatologia, medicina estética e cabelo (tricologia).

> Dicas para manter a saúde de pele e cabelos depois da praia

Além disso, a queda dos fios também pode ser sinal de algum desajuste emocional. “Pode ser uma manifestação inflamatória do estresse e/ou um dos primeiros sintomas de uma fase de depressão,” destaca a médica. Por isso, segundo ela, quando os fios caem de maneira mais acentuada, é fundamental procurar um profissional de saúde.

Olhe para o seu corpo

Portanto, é essencial ouvir suas emoções e observar o seu corpo diariamente. E, caso note alguma alteração, é fundamental procurar um médico. “Devemos ficar atentos às mudanças em nosso corpo. Muitas pessoas não têm o hábito de se observar e quando nós, médicos, perguntamos se aquele sinal ou mancha apareceu há muito tempo, muitos pacientes relatam que nunca tinham observado”, alerta Meire Gonzaga.

> Cuidados com a pele: dermatologista esclarece dúvidas

O corpo costuma falar por meio dos sinais, por isso, é fundamental se conhecer e ter hábitos saudáveis como prática de atividades físicas e alimentação equilibrada. Também é importante reservar um tempo para cuidar da saúde mental. Afinal, emoções reprimidas podem emergir como sintomas físicos.

*Por Matilde Freitas

Leia também:

O que é dermatologia?

Cabelos coloridos no mercado de trabalho

Colunistas