nsc
an

Campeões

Quem são os vencedores do Festival de Dança de Joinville 2021

Resultado dos prêmios especiais do evento foi divulgado nesta quinta-feira (14)

15/10/2021 - 16h28

Compartilhe

Por Marcelo Henrique
palco
Vencedores das premiações especiais do festival foram anunciados
(Foto: )

As disputas do Festival de Dança de Joinville acabaram na noite desta quinta-feira (14) e já é possível saber todos os resultados dos pódios da Mostra Competitiva e da Meia-Ponta. Além disso, a coordenação também anunciou os vencedores das premiações especiais do evento.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Os ganhadores garantiram vaga para a próxima edição do Festival e vão se apresentar novamente na Noite dos Campeões, que ocorre nesta sexta-feira (15) e sábado (16), às 20 horas, nas categorias Júnior e Sênior, respectivamente.

Confira os vencedores dos prêmios especiais:

Melhor bailarino: Arthur Wille, do ATM Grupo de Formação, de Minas Gerais;

Melhor bailarina: Ana Cristina Paulino, do Centro de Artes Pavarini, de São Paulo;

Melhor grupo: Lapidari Companhia de Dança, de São Paulo.

Melhor coreógrafa: Danielle Rodrigues, do Ballet Paraisópolis, de São Paulo;

Prêmio Daniel Camargo: João Massei, do Instituto Marco de Dança, de São Paulo;

Prêmio Especial: Corpo de Baile Noara Beltrami, do Distrito Federal, pelo exemplo de superação;

> Dançarinos que sofreram acidente vencem prêmio de superação em Joinville

Formato diferente

Nesta edição, o festival acontece de forma híbrida, com liberdade para o participante escolher de que forma irá se apresentar, seja presencial ou online.

Isso também vale para o público, que além de assistir aos espetáculos na plateia, também pode acompanhar o evento online por meio das tradicionais transmissões gratuitas, e pelo novo serviço pago de transmissão comentada por especialistas, com acesso a imagens exclusivas de bastidores.

Em virtude da pandemia, o festival teve cuidados redobrados com a organização do evento e passou a exigir algumas condições sanitárias para as pessoas que gostariam de assistir as apresentações em espaços fechados.

Uma das opções é a carteirinha de vacinação comprovando o esquema vacinal completo. Ou seja, é necessário ter tomado a dose única ou duas doses há 14 dias, tempo considerado o suficiente para tratar a pessoa como imunizada.

Outra opção é apresentar um exame PCR feito, no máximo, com 72 horas de antecedência, ou o teste antígeno (por amostra de sangue) feito, no máximo, com 48 horas de antecedência.

*Sob supervisão de Hassan Farias

Leia também:

Jovem bailarino faz homenagem à mãe durante apresentação vitoriosa no Festival de Dança de Joinville

Por que linhas de ônibus ainda não voltaram ao “normal” em Joinville aos domingos

Gás de cozinha tem alta de 3,48% em outubro e custa até R$ 130 em Joinville, aponta Procon

Colunistas