nsc
dc

Coronavírus

SC tem três regiões no menor risco para Covid-19 pela 1ª vez no ano: "Esperança", diz governador

Parte do Norte do Estado, Serra e Meio-Oeste têm a melhor condição possível conforme a matriz

25/09/2021 - 12h08 - Atualizada em: 25/09/2021 - 12h14

Compartilhe

Catarina
Por Catarina Duarte
Mapa de risco potencial é divulgado semanalmente pelo governo de SC
Mapa de risco potencial é divulgado semanalmente pelo governo de SC
(Foto: )

Santa Catarina tem três regiões com risco moderado para coronavírus pela primeira vez no ano. O dado foi divulgado neste sábado (25) com a atualização do mapa de risco. Outras 13 regiões estão no nível alto e uma no grave.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

A melhora no cenário da pandemia em Santa Catarina foi comemorada pelo governador Carlos Moisés. Nas redes sociais, ele compartilhou o mapa desta semana e escreveu “esperança”.

As regiões de risco moderado são parte do Nordeste, Serra e Meio-Oeste. Em nível alto estão o Alto Uruguai Catarinense, Alto Vale do Itajaí, Alto Vale do Rio do Peixe, Carbonífera, Extremo Oeste, Extremo Sul Catarinense, Foz do Rio Itajaí, Grande Florianópolis, Laguna, Médio Vale do Itajaí, Oeste, Planalto Norte e Xanxerê.

A divisão de regiões foi atualizada. Assim, o Nordeste foi dividido em duas parte. Uma delas, segue no nível grave. Nenhuma região é classificada neste momento com risco gravíssimo, o mais alto na escala do mapa.

O mapa de risco potencial é usado pelo governo de Santa Catarina como ferramenta para definir parte dos regulamentos sanitários. São quatro os níveis de classificação: gravíssimo (vermelho), grave (laranja), alto (amarelo) e moderado (azul).

Em relação ao mapa da semana passada, houve melhora na situação geral. O Planalto Norte, Xanxerê, Extremo Sul e o Oeste deixaram o nível grave e passaram ao alto.

Já a região Nordeste passou do nível gravíssimo para o grave.

Leia também 

Irmãos que recusaram vacina da Covid morrem em intervalo de 8 dias em SC

Por casos de Covid, colégio de Criciúma suspende aulas para três turmas

Quase 350 mil pessoas em SC não receberam a 2ª dose da vacina contra Covid dentro do prazo

Colunistas