nsc
an

Mais de mil mortes

Secretário da Saúde de Joinville se emociona e pede desculpas por mortes relacionadas à Covid-19

"Eu gostaria de pedir desculpas às pessoas por a gente não ter conseguido salvar muitas vidas", disse Jean Rodrigues durante sessão na Câmara de Vereadores de Joinville

06/04/2021 - 13h48 - Atualizada em: 06/04/2021 - 13h50

Compartilhe

Patrícia
Por Patrícia Della Justina
Secretário Jean Rodrigues se emocionou durante discurso
Secretário Jean Rodrigues se emocionou durante discurso
(Foto: )

O secretário de saúde de Joinville, Jean Rodrigues da Silva, se emocionou durante sessão na Câmara de Vereadores realizada na última segunda-feira (5). O evento foi dedicado à homenagem aos profissionais da saúde e memória das mais de mil vidas perdidas pela Covid-19 em Joinville em um ano de pandemia.

> Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

Durante o discurso, Jean agradeceu e salientou o trabalho incansável dos profissionais da área da saúde que lutam diuturnamente pela vida dos pacientes. Emocionado, Jean também pediu desculpas em decorrência de tantas vidas perdidas, mas pontuou que não foi por falta de esforço dos profissionais.

- Enquanto secretário de saúde, durante esse período da pandemia, eu gostaria aqui também de pedir desculpas. Desculpe às pessoas por a gente não ter conseguido salvar muitas pessoas. Mas não é por falta de empenho desse time - lamentou.

Jean ainda ressaltou que o município deve entregar, em 30 dias, uma proposta para reativar a rede de saúde a fim de atender pacientes que sofrem de outras doenças graves.

> “Vejo tempos sombrios para a saúde”, lamenta médico de Joinville na linha de frente à Covid-19

- O prefeito já solicitou proposta de reativar nossa rede de saúde para atender esse povo que não morre só de Covid. Que padece com câncer, que tem outros desafios. E esse é o desafio do nosso time: reativar essa rede de saúde em meio à pandemia - acrescentou.

Debate político e votações ficaram de lado

Logo após a abertura da sessão, o tempo destinado aos partidos, o debate político e as votações ficaram de lado. Os vereadores usarem a tribuna para, além de parabenizar os profissionais da saúde, externarem solidariedade a amigos e familiares das vítimas. Os parlamentares também falaram sobre a necessidade de manter os cuidados de prevenção.

Vestidos de branco em homenagem aos profissionais da saúde, os vereadores discursaram sobre a importância da vacina para a retomada das atividades econômicas. Presidente da CVJ, Maurício Peixer (PL) agradeceu aos profissionais da saúde que lutam pela vida dos joinvilenses. Para Peixer, “através das boas políticas e boas ações” os vereadores auxiliam os profissionais de saúde a salvar vidas.

O prefeito Adriano Bornschein Silva e a vice-prefeita Rejane Gambin (ambos do Novo) também participaram da sessão.

> Joinville não muda medidas contra Covid-19 e prorroga decreto

O prefeito de Joinville mencionou os investimentos do município para ampliar a capacidade na luta contra as diferentes variantes da Covid-19.

- Estamos enfrentando a doença e mantendo a economia aberta para resguardar o máximo de empregos e, ao mesmo tempo, atendendo a todos os casos graves que estamos recebendo. Foi dessa forma que nos comprometemos a seguir adiante - justificou.

Médico e enfermeira homenageados

O médico Alexandre Baumer e a enfermeira Aline Rosana Lopes, que atuam na rede pública de saúde do município, estiveram no plenário representando todos os profissionais da rede joinvilense. Chamados de "heróis" pelo prefeito Adriano Silva e por Mauricio Peixer, eles trouxeram relatos da desgastante rotina de trabalho em virtude da pandemia.

Na tribuna, Aline enalteceu a importância da conscientização da população. Ela refletiu que de nada adianta ter milhares de respiradores na estrutura do sistema de saúde se as pessoas não fizerem a parte delas.

> Mulher que ficou à beira da morte com Covid-19 em Joinville celebra vida nova: "foi um milagre"

- Respeitam as regras e o distanciamento social - pediu a enfermeira.

Alexandre Baumer contou aos vereadores detalhes das dificuldades e das vitórias neste período de um ano de pandemia. Baumer relatou que as demais doenças não deixaram de aparecer e fizeram os profissionais de saúde se desdobrarem com a pandemia. Segundo ele, a demanda por oxigênio aumentou mais de 20 vezes. Com relação ao poder destrutivo do novo coronavírus, Baumer informou que 46% dos pacientes graves da covid-19 morrem.

> Monitor da vacina: veja o avanço da vacinação contra Covid-19 em SC

> 'Não estaríamos neste cenário se não fosse a variante', diz secretário após 1 mil mortes por Covid-19 em Joinville

Colunistas