nsc

Escolas

Secretário de Educação explica como será a volta às atividades presenciais na rede pública de SC

Retomada foi autorizada pela Justiça em regiões com risco grave para coronavírus

24/11/2020 - 13h59 - Atualizada em: 24/11/2020 - 18h24

Compartilhe

Kadu
Por Kadu Reis
Secretário Natalino Uggioni concedeu entrevista ao Estúdio CBN Diário
Secretário Natalino Uggioni concedeu entrevista ao Estúdio CBN Diário
(Foto: )

Santa Catarina reinicia o movimento de retomada das aulas presenciais na rede pública em regiões com risco grave para coronavírus a partir de autorização da Justiça. O foco está nos alunos que precisam de reforço no aprendizado. A volta será escalonada, como explicou o secretário de Estado da Educação, Natalino Uggioni, em entrevista ao Estúdio CBN Diário desta terça-feira (24).

> Justiça autoriza volta às aulas em escolas públicas das regiões de risco grave em SC

— As orientações para a rede já são conhecidas e estamos encaminhando um novo documento para tirar dúvidas. É importante que pais entrem em contato com as escolas para esclarecimentos. Na rede estadual vamos chamar para as aulas presenciais os alunos que demandam reforço pedagógico. Mas todos devem seguir as atividades não-presenciais até o término do ano letivo — afirma o secretário.

Ouça a entrevista com Natalino Uggioni, secretário de Estado da Educação:

O movimento de retomada presencial já havia sido iniciado em 31 escolas da rede estadual em Blumenau, Criciúma, Jaraguá do Sul, Brusque e Joaçaba. Nestas instituições de ensino, a volta às aulas deve seguir com a chamada de novas turmas semanalmente. Nas demais, o processo é iniciado pelas escolas que atuam também com estudantes do ensino médio.

> Plano de volta às aulas em SC prevê uso de máscara e distanciamento nas escolas; confira detalhes

— Não queremos colocar ninguém em risco. Defendemos a retomada com os cuidados que foram construídos a várias mãos. Defendemos a importância da retomada para concluírmos com segurança e qualidade este ano e possamos nos preparar para 2021. Temos 31 escolas funcionando sem que tenha chegado qualquer problema. As coisas estão ocorrendo de forma serena, segura — pontua Uggioni.

> Retorno das aulas presenciais em escolas públicas é precipitado, afirma sindicato

No momento, apenas três regiões catarinenses estão em risco gravíssimo para coronavírus e não têm autorização para a volta às aulas presenciais: Laguna, Xanxerê e Alto Uruguai. A retomada está autorizada pela Justiça nas demais áreas de SC, nas redes pública e particular, após a apresentação dos planos de contingência.

> Escolas de SC vão mapear alunos que podem ter aulas presenciais

Colunistas