nsc
dc

Em Brasília

Senadores Jorginho e Renan discutem em CPI: "Vagabundo é tu, ladrão"; veja vídeo

Catarinense Jorginho Mello argumentou em defesa do Planalto e os dois senadores se exaltaram

23/09/2021 - 11h37 - Atualizada em: 23/09/2021 - 12h41

Compartilhe

Redação
Por Redação DC
Briga aconteceu na sessão desta quinta-feira (23) da CPI
Briga aconteceu na sessão desta quinta-feira (23) da CPI
(Foto: )

O senador catarinense Jorginho Mello (PL-SC) e Renan Calheiros (MDB-AL) discutiram durante a sessão da CPI da Covid-19 desta quinta-feira (23). Os dois trocaram acusações e foram contidos por colegas parlamentares para evitar uma briga física. 

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

A confusão começou quando o relator Renan Calheiros disse que há corrupção na gestão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Ele deu como exemplo o fato do governo federal ter feito contratos contra a pandemia com empresas que agora são investigadas.

— Foi empresa dessa gente escolhida pelo presidente para comprar vacina. Ele preferiu esse tipo de negociação. É por isso que tem aumentado a cada dia a percepção de que o governo é um governo corrupto — disse Renan.

Aliado de Bolsonaro, Jorginho tentou defender o governo.

— Não foi o presidente que escolheu, foi os picaretas que tentaram vender — afirmou.

Renan começou a reclamar de ter sido interrompido por Jorginho. Os dois parlamentares se exaltaram e começaram a trocar ofensas

— Vá para os quintos! — gritou Jorginho.

— Vá vossa excelência, com o seu presidente e o Luciano Hang [empresário aliado de Bolsonaro] — rebateu Renan.

Jorginho defendeu Hang.

— Vá lavar a boca para falar do Luciano Hang, um empresário decente, um homem honrado — disse o senador catarinense.

— Vá lavar a tua, vagabundo — disse Renan.

Parlamentares impediram briga física

O bate-boca se intensificou e Jorginho começou a chamar Renan de “ladrão e picareta”. Renan levantou da tribuna e foi em direção a Jorginho. Os tiveram que ser contidos pelos demais senadores.

Depois da confusão, Renan voltou à tribuna e a sessão foi retomada. Nesta quinta, a CPI ouve o empresário Danilo Trento.

Veja o vídeo

Leia também 

CPI da Covid convoca ex-mulher de Bolsonaro para depor

Pazuello cita Blumenau durante depoimento na CPI da Covid

Como SC entrou na tropa de choque de Bolsonaro na CPI da Covid

Colunistas