nsc
santa

Feminicídio

Servidora da Justiça de Itajaí é assassinada e polícia faz buscas pelo namorado

Indira Mihara Felski Krieger foi encontrada morta no apartamento onde morava no bairro Fazenda neste sábado (8)

09/01/2022 - 16h24 - Atualizada em: 10/01/2022 - 10h49

Compartilhe

Por Luana Amorim
Indira também era irmã da juíza da vara criminal de Itajaí
Indira também era irmã da juíza da vara criminal de Itajaí
(Foto: )

Uma mulher foi encontrada morta dentro do apartamento onde morava na noite deste sábado (8) em Itajaí, no Litoral Norte catarinense. A vítima foi identificada como Indira Mihara Felski Krieger, de 35 anos, servidora da Justiça do município. O principal suspeito é o namorado dela, de 28 anos, que está foragido.

> Receba notícias do Vale do Itajaí pelo WhatsApp

O caso ocorreu por volta das 23h30, no bairro Fazenda. A Polícia Militar foi acionada por equipes do Samu, que encontraram a vítima já sem vida no apartamento. A causa da morte, no entanto, não foi divulgada.

No local, familiares informaram à polícia sobre o relacionamento de Indira com o suspeito, que possivelmente teria relação com o fato. Diante disso, a equipe colheu imagens do circuito interno do estacionamento do edíficio e viram que, durante a madrugada de sábado, o homem teria saído do local com o veículo da vítima. 

A PM, então, foi até a casa dos pais do suspeito, em Balneário Camboriú, que informaram que não sabiam onde o homem poderia estar.

> Chuva alaga Avenida Atlântica e atinge Praia Central de Balneário Camboriú; veja vídeo

Já neste domingo (9), por volta do meio-dia, a equipe recebeu informações de que o carro da vítima foi visto no estacionamento de um motel em Balneário Camboriú. A polícia chegou a fazer buscas no local, mas o homem não foi encontrado. 

O carro, então, foi apreendido e encaminhado à Divisão de Investigação Criminal (DIC) do município. O suposto autor segue foragido. O caso é investigado pela Polícia Civil. 

> SC tem 15% das vítimas de feminicídio em 2021 mortas pelos próprios pais

Vítima era irmã de juíza de Itajaí 

Além de servidora no Cartório da Fazenda em Itajaí, Indira também era irmã da juíza Anuska Felski, que atua na Vara Criminal do município. Nas redes sociais, amigos e familiares publicaram mensagens de carinho para a vítima. 

"Hoje o dia amanheceu triste. Que Deus receba você com muito amor. Vou sempre lembrar de você e destes momentos que curtimos juntas", disse uma amiga em uma publicação.

O corpo de Indira foi sepultado na tarde deste domingo (9) no Cemitério da Fazenda, em Itajaí. 

Leia também:

Suspeito de matar servidora da Justiça de Itajaí é preso em Balneário Camboriú

Casal de SC visitou local um dia antes de rocha cair em MG: "Poderia ter sido a gente"

Carro bate em árvore e deixa uma pessoa ferida na Beira-Mar Norte em Florianópolis

Ataque de abelhas deixa 11 feridos em Blumenau e vídeo mostra momento de desespero

Colunistas