nsc
dc

Responsabilidade social

Termômetro Solidário: campanha mobiliza catarinenses para arrecadação de roupas

Até 30 de julho, mais de 40 pontos de coleta estão espalhados por todo o Estado para receber os agasalhos

26/05/2021 - 15h42 - Atualizada em: 09/06/2021 - 14h20

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
O Termômetro Solidário é uma realização da NSC e conta com a parceria de Fort Atacadista, Vigilância Radar, Casa do Couro Mezzalira, Unoesc, Jeep Auto Premier, Multilog e Rôgga Empreendimentos.
O Termômetro Solidário é uma realização da NSC e conta com a parceria de Fort Atacadista, Vigilância Radar, Casa do Couro Mezzalira, Unoesc, Jeep Auto Premier, Multilog e Rôgga Empreendimentos.
(Foto: )

A NSC lançou na segunda-feira (24) a campanha de 2021 do Termômetro Solidário com a meta de angariar 200 mil peças de roupas de inverno, sapatos e cobertores para doação até o final de julho. Com o mote “mude suas roupas de endereço neste inverno”, a campanha desperta a solidariedade dos catarinenses e beneficiará comunidades carentes de todas as regiões do Estado.

São mais de 40 pontos de coleta nas lojas do Fort Atacadista, Vigilância Radar, Casa do Couro Mezzalira, Unoesc, Jeep Auto Premier, Multilog e Rôgga Empreendimentos. Além da distribuição de agasalhos, o projeto vai também oferecer mais de mil refeições para pessoas em situação de rua com três ações do Sopão Beneficente.

> NSC ganha prêmio "Empresa Cidadã 2020" da ADVB/SC com o projeto Termômetro Solidário

Seguindo o modelo já implantado em 2020, toda a operação da arrecadação é organizada conforme as normas da Organização Mundial da Saúde. As roupas são recolhidas, higienizadas e separadas antes das doações.

As intituições que receberam as primeiras entregas para distribuição em Florianópolis foram o Coletivo Ação Zumbi, AMMO - Associação de Mulheres Empoderadas do Monte Cristo e Coletivo Pegada Nagô.

Impactos da corrente do bem

Na última edição do Termômetro Solidário, a corrente do bem promovida pela NSC reverberou por toda Santa Catarina estimulando doações. Apesar da meta traçada para 2020 ter sido 50 mil peças, a campanha arrecadou mais de 100 mil itens para doação e atendeu mais de 40 comunidades em vulnerabilidade social de 14 cidades catarinenses.

> Saiba mais sobre o Termômetro Solidário, projeto vencedor da NSC.

Em Joinville, um dos municípios contemplados pela ação, o gestor da ONG Nutre (Núcleo de Trabalho e Resgate), Márcio Rech, auxiliou na distribuição dos calçados, cobertores e agasalhos. Rech agora se preocupa com o frio intenso que deve afetar o estado e com a pandemia de coronavírus ainda fora de controle.

— Com o inverno chegando, as temperaturas começam a baixar e, nesse tempo de Covid, a falta de recursos nas comunidades é ainda maior porque já existe uma dificuldade na busca do alimento, imagina ainda ter que comprar um agasalho, um cobertor. Então, toda ajuda é muito bem-vinda. Toda ajuda faz a diferença. — conta o Márcio.

O gestor ainda aponta a necessidade de angariar doações para todos os grupos etários, incluindo crianças.

— Um adulto consegue buscar um agasalho com mais facilidade, agora uma criança, é mais difícil. A gente tem sentido uma demanda muito grande por roupas infantis. Nossa pedida, claro, é para o adulto também, mas devemos pensar nas crianças — finaliza.

Para ajudar a aquecer milhares de catarinenses durante o inverno, doe roupas, cobertores e calçados que você já não usa nos locais de arrecadação do Termômetro Solidário.

Confira a lista completa dos pontos de coleta no Estado:

Termômetro Solidário NSC Total
Termômetro Solidário NSC Total
(Foto: )

Leia também

Frio em Santa Catarina: saiba quais são as cidades mais geladas

Por que existem diferentes tipos de garrafa de vinho?

Colunistas