nsc
    dc

    Confirmado

    TJD-SC fará julgamento de confusão no clássico Figueirense x Avaí na terça-feira

    Processo contém invasão de torcedores, atitude de Bruno Silva e expulsão de técnico do Figueira

    04/02/2020 - 18h01

    Compartilhe

    João Lucas
    Por João Lucas Cardoso
    Clássico Figueirense x Avaí teve invasão de torcida e outros episódios
    Clássico Figueirense x Avaí teve invasão de torcida e outros episódios
    (Foto: )

    O TJD-SC vai julgar a confusão no clássico Figueirense x Avaí, pela quarta rodada do Catarinense 2020, na próxima terça-feira. Com a denúncia da procuradoria em mãos, o Tribunal de Justiça Desportiva de Santa Catarina confirmou sessão para as 19h de terça, na sede da Federação Catarinense de Futebol (FCF), conforme expectativa do presidente do tribunal, Rodrigo Titericz.

    O processo da partida conterá três itens: a invasão de campo por torcedores do Figueira, a atitude do volante Bruno Silva, do Avaí, que acertou um chute em um invasor e também no goleiro Gledson, do próprio time (veja o lance), e a expulsão do técnico Márcio Coelho após o término da partida, conforme relato em súmula. Com recebimento da denúncia do procurador Márcio Cesar Bertoncini, o TJD-SC dá encaminhamento para julgar de forma ágil o processo.

    O Figueirense foi denunciado no Art. 213, § 3º, do CBJD - deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir desordens em sua praça de desporto -, que responsabiliza o clube por ato dos seus torcedores na interrupção da partida, causada pela invasão de torcedores ao gramado durante o jogo contra o Avaí, e pelo tumulto. A pena é de multa de R$ 10.000 a R$ 200.000 e perda do mando de campo de uma a 10 partidas.

    Já o volante Bruno Silva foi enquadrado no Artigo 254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), sujeita a pena de quatro a 12 partidas de suspensão: O técnico do Figueirense, Márcio Coelho, será julgado por causa da expulsão após o término da partida. Conforme súmula, ele “protestou contra a arbitragem de forma grosseira”.

    A intimação e citação de clubes e envolvidos deve ser feita nas próximas horas pelo TJD-SC.

    *com informações do comentarista Rodrigo Faraco

    Mais notícias sobre o Catarinense 2020 no NSC Total

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Esportes

    Colunistas