Finalmente chegou o grande dia. Saiu o trailer de Grand Theft Auto VI, nosso querido GTA 6. Foi muita emoção, com direito a vazamento do vídeo antes da data marcada. Era para o trailer sair na terça e saiu na segunda.

Continua depois da publicidade

Mas e aí, o que pudemos ver? Para começar, a primeira protagonista mulher dos jogos 3D da série. Ela se chama Lúcia e, aparentemente, foi presa. De resto, gráficos lindíssimos (já achava lindo o GTA V no PS4), com muitas imagens de Vice City, baseada em Miami, e um moço, o outro protagonista. Parece que eles serão um casal.

O que dizer? Quero este jogo agora! Estou muito empolgada com finalmente poder jogar com uma mulher no modo história, com ela ter uma jornada escrita pelo jogo, e não no GTA Online. Parece que virou uma chavezinha no meu cérebro.

Se antes eu jogava com os moços e me divertia na cidade, agora parece que estou diante de uma outra situação: como seria a Joana no mundo do crime?

Não é que faça tanta diferença assim o gênero do personagem. Afinal, a gente não está jogando com a gente mesmo. Ao mesmo tempo, faz muita diferença sim! Em dois aspectos, talvez.

Continua depois da publicidade

Uma coisa é bem interessante sobre este GTA: provavelmente vão precisar criar uma história um pouco diferente para encaixar uma mulher como protagonista. E já temos um ponto positivo: tiveram que pensar um roteiro um pouco menos batido. Torço para isso, pelo menos.

Um outro ponto é o que mexeu comigo e talvez mexa também com outras jogadoras: a de um aumento de imersão. O fato de um dos protagonistas ser uma mulher faz com que eu me ponha mais facilmente no lugar dela e pense como eu agiria naquela situação.

Torcendo para que a história da Lucia seja bem escrita e divertida (Reprodução/Rockstar Games)

Talvez você não ache que faz tanta diferença assim. Mas pense em alguns diálogos e situações que aconteceram nos GTAs passados.

Eu recomecei o GTA V no PS5 depois que voltei das férias para fazer o texto sobre o turismo em Los Angeles. E um diálogo no início do game me chamou a atenção. Era entre o protagonista Franklin e o amigo dele, o Lamar. Eles falavam sobre mulheres. O Lamar estava dizendo que se o Franklin fizesse tal coisa, ele faria mais sucesso com as moças. Só que falou isso do jeito mais vulgar e horrível. Sim, daquele jeito como se as mulheres existissem apenas para agradar esses dois personagens.

Continua depois da publicidade

Lucia já está com o dinheiro do GTA Online na mão (Reprodução/Rockstar Games)

Será que haveria um diálogo assim com nova moça protagonista? Acho que não. Toda a situação com o Michael, ficando ainda no GTA V, também seria diferente, já que ele é o marido, o “provedor” da família. E se ele fosse a esposa e a esposa que fosse a criminosa? E o Trevor nem se fala, já que mora sozinho em um trailer. Também seria interessante ver um Trevor mulher.

Enfim, tudo isso para dizer que estou curiosa com o que a Rockstar vai aprontar e feliz com essa mudança. Pode ser pequena ou até insignificante para alguns jogadores, mas é muito bem-vinda para mim. Agora o difícil vai ser esperar até 2025 para colocar as mãos neste jogo.

Leia mais:

Turistando por Los Angeles em GTA V

GTA 6: pronto para uma protagonista mulher

GTA 6 – o que você quer ver no novo jogo da franquia?

GTA – a diversão de estar livre na cidade

Destaques do NSC Total