nsc
santa

Falta de água

Turbidez na água compromete abastecimento em Blumenau

A população que mora nos bairros atendidos pela Estação de Tratamento de Água da Rua Bahia deve economizar até o problema ser resolvido

17/12/2020 - 17h35

Compartilhe

Brenda
Por Brenda Bittencourt
Nível do Rio Itajaí-Açú deve chega a 6,20 metros na noite desta quinta-feira (17)
Nível do Rio Itajaí-Açú deve chegar a 6,20 metros na noite desta quinta-feira (17)
(Foto: )

A turbidez na água compromete o abastecimento em Blumenau nesta quinta-feira (17). A Estação de Tratamento de Água da Rua Bahia está trabalhando apenas com 50% da capacidade. O comprometimento ocorreu devido às fortes chuvas que atingiram o Vale do Itajaí nos últimos dias que elevaram o nível do Rio Itajaí-Açú e deixaram a água turva.

> Receba todas as notícias no seu WhatsApp. Clique aqui.

Os bairros atendidos pela ETA II são: Água Verde, Do Salto, Escola Agrícola, Salto Weissbach, Passo Manso, Velha, Velha Pequena, Velha Grande, Velha Central, Vila Nova, Fidélis, Fortaleza, Fortaleza Alta e Itoupava Norte. Inclui ainda o Tribess, Nova Esperança, Badenfurt, Itoupava Central, Itoupava Seca, Itoupavazinha, Salto do Norte e o Testo Salto.

O Samae de Blumenau pede para que a população dos bairros atendidos economize água até que o problema seja resolvido.

A turbidez é uma característica física que indica as partículas como areia, restos de folha e até mesmo seres vivos como algas, protozoários e bactérias podendo causar na água, cor, sabor e odor, prejudicando os equipamentos e o tratamento da água.

Chuvas no Vale do Itajaí

Em Blumenau, de sábado (12) até esta quinta-feira (17) choveu em média 119 milímetros. Nos primeiros 13 dias do mês, já havia chovido o equivalente à 80% do esperado para o mês todo na cidade. Brusque decretou situação de emergência e Presidente Getúlio sofreu com deslizamentos e inundações.

O nível do Rio Itajaí-Açú deve chegar a marca 6,20 metros até às 20h desta quinta. É isso que aponta uma previsão feita por especialistas do Centro de Operações do Sistema de Alerta (Ceops), da Furb, e que leva em conta o volume de chuvas que caiu no Médio e Alto Vale do Itajaí nas últimas 24 horas. A se confirmar, a cidade entraria em situação de alerta, conforme protocolo da Defesa Civil, mas sem condição para enchentes.

Colunistas