Antes da pandemia, Portugal vivia uma escalada no turismo, a principal fonte de receita do país. 

Continua depois da publicidade

A forte herança histórica e cultural, os preços atrativos em comparação com outros destinos da Europa, e uma bem-sucedida combinação de investimentos privados com incentivos e planejamento público (especialmente no desenvolvimento de um pujante ecossistema de inovação), tornaram Portugal um roteiro renovado para viajantes de todo mundo.

A pandemia veio como um grande freio a esta ascensão.

> Receba notícias de SC por WhatsApp. Saiba como

Como resposta, Portugal foi um dos países que mais se engajou no combate à pandemia, inclusive se antecipando a diversas medidas restritivas para proteger sua população — cujos idosos somam mais de 20% dos habitantes.

Continua depois da publicidade

Portugal tem 86% da população completamente imunizada neste momento, número que garante o segundo lugar no ranking mundial de imunização, segundo levantamento “Our World in Data” da Universidade de Oxford. O Web Summit, amparado pelo protocolo exemplar, obteve autorização para o formato presencial, com esperados 40 mil visitantes de diversos países.

Pelo impacto na economia local e pelo grande interesse que desperta, inclusive tendo como pauta a discussão do futuro do mercado pós-pandemia, o Web Summit lidera o planejado retorno de eventos corporativos e de entretenimento, e com eles o esperado e fundamental reaquecimento do turismo, esperança para superar a intensa crise econômica pelo qual passa Portugal.

Inclusive, diversos outros eventos de negócios se multiplicam em todas regiões do país.

O segmento de eventos culturais também começa a acelerar. Os shows já estão liberados, no entanto sem permissão de lotação das casas de eventos e com exigência na entrada de apresentação de certificado de vacinação completa ou de um teste negativo para a Covid-19.

> Leia também: Web Summit 2021 foca em responsabilidade social das empresas

O calendário de apresentações de músicos brasileiros se intensifica em Portugal na medida da redução progressiva das restrições aos eventos. Seu Jorge e Gilberto Gil, estão entre os muitos nomes de artistas brasileiros com turnês já fechadas a partir de agora, além dos festivais Rock in Rio e Villa Mix, em Lisboa, somando-se aos muitos nomes da cena musical e abrindo caminho da retomada cultural e do turismo de entretenimento.

Continua depois da publicidade

Os laços que unem Santa Catarina a Portugal, presentes na influência açoriana em regiões como Florianópolis e Itajaí, oferecem abertura para uma maior conexão social e convívio mútuo, intercâmbios em diversas frentes como educação e tecnologia, e claro oportunidades de empreendedorismo e negócios.

Quem sabe parte das soluções para nosso futuro esteja associada ao fortalecimento das relações com nossas origens portuguesas.

Delton Batista é Presidente do LIDE SC — Grupo de Líderes Empresariais de Santa Catarina e fundador da 8R Negócios, escritório especializado em inovação e expansão de empresas.

Destaques do NSC Total