nsc
nsc

Agendas previstas

Casas noturnas de Florianópolis planejam verão lotado com vacinação avançada

Compartilhe

Ânderson
Por Ânderson Silva
18/08/2021 - 09h08 - Atualizada em: 18/08/2021 - 12h05
Casas de eventos começam a vender ingressos para o verão em SC
Casas de eventos começam a vender ingressos para o verão em SC (Foto: Diorgenes Pandini / Agencia RBS)

Aos poucos, as principais casas noturnas de Florianópolis lançam agendas de olho na temporada de verão. As projeções de que a população acima de 18 anos estará vacinada com as duas doses contra Covid-19 até o final do ano em Santa Catarina anima o setor de eventos, que desde março de 2020 está com as atividades suspensas. Pela programação dos empresários, o verão será de casas noturnas cheias com grandes shows. Ingressos já estão à venda para diferentes festas, incluindo o Réveillon.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

A liberação prática de cada uma das agendas, entretanto, depende das autoridades sanitárias. Pela portaria da secretaria de Estado de Saúde que regulamenta a volta dos eventos, toda programação com mais de 500 pessoas precisa de autorização. Após o evento-teste com show da Camerata de Florianópolis, no Teatro do CIC, na Capital catarinense, o setor criou ainda mais expectativa. No entanto, ainda não houve outras liberações oficiais.

Segundo o secretário de Saúde de Florianópolis, Carlos Alberto Justo, as avaliações dos shows e festas no verão vão ocorrer mais próximas às datas. Isso porque será levado em consideração o nível de risco no mapa do coronavírus do governo do Estado. A situação vacinal também será levada em conta, assim como a quantidade de pessoas previstas.

O superintendente da Vigilância em Saúde (Dive) da secretaria de Saúde do Estado, Eduardo Macário, lembra que há portarias vigentes para regramento do setor. Com o avanço da vacinação, ele confirma que o cenário pode ser alterado, com mudanças na normas estabelecidas.

Setor se planeja para o verão

Como o colega Leo Coelho publicou, uma das principais casas de eventos do Litoral catarinense já divulgou sua agenda de grandes shows prevista para o período entre dezembro e março. Outras devem seguir o mesmo caminho nos próximos dias. Empresários do setor afirmam que um planejamento de show envolvendo grandes artistas, incluindo a venda de ingressos, precisa ocorrer meses antes. Por isso a cobrança por uma previsão do Estado em relação à liberação dos eventos.

O presidente da Associação Brasileira de Promotores de Eventos (Abrape), Doreni Caramori Junior, reclama que falta previsibilidade ao setor. Ele lembra que as atividades estão suspensas desde março de 2020: "somos o único setor que não está funcionando ainda". Os pedidos recentes feitos por ele e outros empresários ainda não tiveram análise das autoridades sanitárias. A ideia das empresas promotoras de shows era iniciar já neste mês ou em setembro a retomada.

Segundo Caramori Jr., a expectativa dos promotores é que o verão seja de capacidade máxima das casas de eventos por conta da vacinação: "assim como ocorre hoje nos outros setores, que estão funcionando normalmente".

Leia também:

> Quando começa o verão de Santa Catarina em 2021

> Executivos do Hard Rock visitam Arena Petry. Reinauguração está prevista para o final do ano

> Conheça Janete Borges, a chef premiada da próxima Confraria Itapema 2021

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Mais colunistas

    Mais colunistas