nsc
nsc

Política

Justiça nega segundo pedido de deputado para suspender impeachment

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
06/05/2021 - 20h58
Laercio Schuster
Laercio Schuster (Foto: Rodolfo Espínola, Agência AL/Divulgação)

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) negou, na noite desta quinta-feira (6), um mandado de segurança apresentado pelo deputado Laercio Schuster (PSB) para suspender o julgamento do impeachment. Foi a segunda tentativa do parlamentar de adiar a sessão do tribunal misto, que se reúne nesta sexta.

> Lewandowski nega pedido de deputado para suspender impeachment

Mais cedo, o ministro Ricardo Lewandowski, do STF, também havia negado um pedido de Laércio Schuster para que a Suprema Corte suspendesse o julgamento

Questionamentos

No TJSC, Schuster questionou, entre outras situações, a recusa do presidente do Tribunal de Julgamento, desembargador Ricardo Roesler, em acatar pedidos para novas provas e para que o governador Carlos Moisés (PSL) fosse interrogado durante a sessão.

> Aliados de Daniela pedem audiência com Lewandowski para suspender impeachment

O desembargador Monteiro Rocha, que julgou o mandado de segurança, avaliou que os pedidos do deputado ao Tribunal de Julgamento não eram de aceitação obrigatória, e o presidente tem legitimidade para negar as requisições.

> PT escolhe lado na batalha de bolsonaristas de SC

O advogado Alberto Gonçalves de Souza Júnior avaliou, em nota que a decisão do TJSC traz insegurança jurídica ao processo. “Uma vez requerido depoimento de testemunhas, a legislação não abre qualquer possibilidade de relativização do procedimento”, afirmou. Ele também disse que a oitiva de Moisés seria um "direito da sociedade".

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​

Leia também:

> Conselho do MP admite que defesa de Moisés não teve acesso ao inquérito dos respiradores

Em ataque a creche de SC, professoras trancaram crianças na sala de aula para evitar mais mortes

​Morte de Paulo Gustavo: O Brasil perdeu a graça

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas