nsc
nsc

Política

Moisés vai firmar acordo na Escócia para acompanhamento das metas verdes de SC

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
10/11/2021 - 06h06 - Atualizada em: 10/11/2021 - 06h18
Governador Carlos Moisés na COP-26
Governador Carlos Moisés na COP-26 (Foto: Secom SC)

O governador Carlos Moisés reúne-se nesta quarta-feira (10) em Glasgow, na Escócia, com membros do Iclei – Governos Locais pela Sustentabilidade – para firmar uma parceria de acompanhamento das metas verdes de Santa Catarina. O objetivo é dar contar do acordo apresentado pelo Estado, que prevê diminuir em até 50% as emissões de gás carbônico na atmosfera até 2030 e atingir a neutralidade de carbono ate 2050.

Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Segundo Moisés, a adesão à rede do Iclei permitirá a Santa Catarina um melhor acompanhamento das iniciativas que já estão em andamento. Tanto na rede pública, quanto privada.

- Um acompanhamento real das metas de Santa Catarina e também um inventário de tudo aquilo que as empresas e que o Estado produz no sentido de equilibrar o meio ambiente, na busca da zero emissão, ou pelo menos da compensação, para pra que a gente equilibre esse quadro da produção de gases de efeito estufa e sequestro de carbono no meio ambiente – disse o governador.

Na Escócia, Moisés assume compromisso de SC para reduzir emissões de carbono

O Iclei reúne mais de 2,5 mil governos locais e regionais em 125 países. O grupo oferece parcerias e capacitações para ajudar na implementação de políticas públicas de baixo carbono, que são fundamentais para aderir à guinada verde da economia mundial.

Créditos de carbono podem ser um produto da indústria se a COP regular mercado

O cumprimento efetivo das metas assumidas tem sido uma das principais cobranças das lideranças do setor ambiental aos governos durante a COP-26 em Glasgow. A provocação é para que os governantes não fiquem apenas nos tratados e promessas, e coloquem em prática políticas públicas que de fato promovam mudanças e freiem o avanço da crise climática.

SC posará de verde na Conferência do Clima mas admite retrocessos no Código Ambiental

Santa Catarina é signatária da Aliança pela Ação Climática, que estabeleceu as metas de redução das emissões e neutralidade de carbono para os membros – mais ambiciosas do que os objetivos assumidos pelo Brasil, o que pode trazer vantagens competitivas para o setor econômico do Estado. A expectativa é que o governo apresente o plano de metas no retorno da missão internacional.

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz

Leia mais:

Por que o alargamento da praia em Balneário Camboriú atraiu tubarões

Prédio mais alto da América do Sul tem Neymar, Luan Santana e números recordes em Balneário Camboriú

Polêmico, uso de fuzis por Guardas Municipais chega a SC

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas