nsc
nsc

Protocolo

Santa Catarina avalia eventos-teste para Covid-19 a partir de julho

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
31/05/2021 - 17h29
Grandes eventos seguem impedidos em SC
Grandes eventos seguem impedidos em SC (Foto: Patrick Rodrigues, Arquivo NSC)

Avança no Governo do Estado a proposta de realizar eventos-teste em Santa Catarina. A expectativa é dar início à programação em julho, com três modalidades possíveis: congresso, evento cultural, feira e jantar.

De ‘só para vacinados’ a rastreio por app: os planos da Santur para eventos

O processo para viabilizar os eventos-teste é tocado em uma parceria entre a Secretaria de Estado da Saúde, a Santur e o setor de eventos. Os primeiros testes deverão ocorrer em Florianópolis e São Bento do Sul.

Consórcio apresenta proposta para tocar Centro de Eventos de Balneário Camboriú

A confirmação de datas, no entanto, dependerá da situação epidemiológica do Estado. O superintendente de Vigilância em Saúde, Eduardo Macário, ressaltou que os eventos-teste dependerão de condições mínimas de segurança:

- Mesmo eventos-teste devem ser feitos no momento adequado, de redução de casos – diz.

Macário estabelece alguns condicionantes que serão observados para a liberação dos testes. Entre eles, a adesão às medidas de prevenção, velocidade de vacinação, uso de máscaras e liberação de leitos hospitalares. Ele também cita a necessidade do Estado sair do platô elevado de casos ativos, e a não introdução de novas variantes perigosas.

Decreto com restrições para junho em SC será definido nesta segunda-feira

A metodologia para avaliar os eventos - antes, durante e após a realização - deve ser estabelecida pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que foi chamada a integrar o grupo de discussão na semana passada.

Catarinense é isolado após chegar com febre em barreira do Aeroporto de Congonhas

Há possibilidade de permitir a entrada somente para pessoas vacinadas, ou com teste de Covid-19 negativo. Outra hipótese é estabelecer o uso de uma máscara específica, como a PFF2, para avaliar o efeito em grandes aglomerações.

A validação dos protocolos sanitários e os eventuais ajustes terão o acompanhamento de outras instituições, como o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC).

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​

Leia também:

Convocação de Moisés e Daniela é desvio de foco na CPI da Covid

Prefeitura de Florianópolis não pode suspender aulas por suspeita de Covid, decide Justiça

Ação de governadores para não depor na CPI da Covid já está no STF

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas