nsc
nsc

R$ 127 milhões

Prefeita faz alerta sobre concessão de mirante na Serra do Rio do Rastro

Compartilhe

Denis
Por Denis Luciano
03/11/2021 - 13h36 - Atualizada em: 03/11/2021 - 18h58
Prefeita Saionara com a vice Soraya Librelato na Serra
Prefeita Saionara com a vice Soraya Librelato na Serra (Foto: Divulgação)

A concessão do mirante da Serra do Rio do Rastro à iniciativa privada, dentro de um mega projeto lançado na última segunda-feira (1) pelo Governo do Estado e noticiado pelo colega Anderson Silva no NSC Total, repercutiu no Sul catarinense. O mirante localiza-se em Bom Jardim da Serra, mas a estrada pertence a Lauro Müller.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

- A Serra do Rio do Rastro é de Lauro Müller. A estrada é a mais espetacular do mundo, não existe Serra tão bonita, tanto nas encostas quanto no entorno. E é isso que queremos que seja valorizado - comentou a prefeita da cidade. O investimento projetado é de R$ 127 milhões, em projeto que será posto em licitação em 2022 para se conhecer quem vai tirar o complexo turístico do papel.

Saionara Bora (MDB) queixou-se que até o momento o município não foi ouvido, e espera que o andamento do projeto permita alavancar a cidade. 

- Hoje, a Serra sendo de Lauro Müller, as pessoas passam por ela e Lauro Müller não se desenvolve. As pessoas não nos visitam. E o turismo não se realiza sozinho. O que a gente espera desse empreendimento é que tenha um olhar diferenciado para a nossa cidade - registrou.

A prefeita não fez contato ainda com a SC Par em busca de mais detalhes do projeto. Tomou conhecimento pela imprensa e segue reivindicando junto ao Estado melhorias no trajeto da SC-390 entre Lauro Müller e Bom Jardim da Serra.

> Educação domiciliar vai virar lei no Estado

- A gente não fez contato ainda em relação a esse projeto. Estamos sim em parceria com o Estado pedindo um olhar diferenciado, eles estão sabendo das nossas angústias sobre a contenção, depois a iluminação, depois o recapeamento, mas em relação ao novo empreendimento ficamos à margem - referiu.

Saionara sublinhou que reconhece as belezas do alto da Serra, mas chama a atenção para a importância estratégia que o trecho correspondente a Lauro Müller tem para o visual da região. 

- Se a gente estendesse um manto cobrindo toda a Serra, talvez esse empreendimento não tivesse o valor que vai ter. Claro que o Planalto é maravilhoso, tem seus encantos, mas hoje a beleza é a Serra do Rio do Rastro - detalhou. - A gente espera que o governo e o empreendedor venham até nós, para propor algo para o município - emendou.

Em paralelo, a prefeita está preocupada com as condições da SC-390, que encontra-se na etapa final das obras das contenções em 25 pontos onde havia deslizamentos. Depois, a expectativa é por reparos na iluminação, que encontra-se desativada, e a recuperação da pista. 

- Tivemos em Florianópolis várias vezes, levamos ofícios, pedidos, pedimos que o convênio da manutenção fosse direto com a prefeitura, cuidaríamos da Serra não a cada mês, mas sempre que houvesse problemas - comentou. - Em uma das conversas com o secretário, sugerimos que contenção, iluminação e recapeamento fossem feitos no mesmo processo. Explicaram que não é assim, que tem problemas com as licitações - finalizou.

Leia também:

> Vândalos atacam máquina nas obras da BR-285, no extremo Sul catarinense

> Mulheres agridem colega que foi trabalhar de saia no Sul de SC

> Restaurante de SC tem prejuízo após nome no Ifood virar "vacina mata"

Denis Luciano

Colunista

Denis Luciano

Jornalista com longa experiência no rádio e no digital, Denis Luciano aborda os principais assuntos do Sul catarinense, uma das regiões mais relevantes no Estado.

siga Denis Luciano

Denis Luciano

Colunista

Denis Luciano

Jornalista com longa experiência no rádio e no digital, Denis Luciano aborda os principais assuntos do Sul catarinense, uma das regiões mais relevantes no Estado.

siga Denis Luciano

Mais colunistas

    Mais colunistas