nsc
nsc

Arte e Cultura

Artista plástica que desenhou mural de Antonieta de Barros, em Florianópolis, lança exposição inovadora

Compartilhe

Edsoul
Por Edsoul
01/09/2020 - 06h28
Monique Cavalcanti, a Gugie
Monique Cavalcanti, a Gugie (Foto: Larissa Usanovich / Divulgação)

Cara, como é bom ver a arte urbana sendo valorizada, se autovalorizando e ganhando cada vez mais espaço na cidade. Sou de um tempo em que o graffiti era considerado uma pichação, um afronto a sociedade e motivo para detenções temporárias. 

> Quer receber notícias por WhatsApp? Inscreva-se aqui

Pois bem, passaram os anos e aqui estamos, vivendo numa cidade cada vez mais colorida coma arte que nasceu nos guetos e ruas. Os mais belos exemplos dessa evolução estão por aí, pitados em murais gigantes e enchendo de cores os olhos de quem transita por Floripa.

 Uma das últimas homenagens que pudemos conferir de perto foi a rolou para a guerreira negra Antonieta de Barros, que teve sua importante passagem pela política, sendo a primeira deputada do país. A professora foi feita pintada por uma galera muito fera na arte e, entre elas estava a queridona Monique Cavalcanti ,a Gugie. Que, inclusive, não para de aprontar e fazer arte por aí. 

A mais nova da talentosa irmã vai rolar entre os próximo dias 10 e 13 de setembro, quando a ilha vai se transformar em uma galeria de arte com a exposição Gestos. A artista vai espalhar oito telas por diferentes regiões da Capital, como Lagoa da Conceição, Centro e Carianos. 

> Conheça a lei de Antonieta de Barros que criou o Dia do Professor em SC, bem antes do decreto nacional

A ideia é oferecer uma experiência diferente e inédita que, por meio da arte, proporcione uma sensação de aproximação entre as pessoas - especialmente em tempos de isolamento social. Na exposição, as obras trazem momentos em que as pessoas se comunicam por gestos que, muitas vezes, dizem muito mais que palavras. 

Gugie vem do grafite e sempre buscou na arte produzida nas ruas um espaço de diálogo e ocupação representativa, fortalecendo a visibilidade e colocando negros como protagonistas. Para a artista, ao criar uma relação própria com as obras de Gestos, o espectador naturaliza a felicidade e a dignidade das pessoas negras.

Meus queridos, todos nós estamos convidados para contemplar essa parada bonitona que vai rolar pelas mãos da Gugie. Mas quem quiser ver a exposição completa, pode dar uma conferida lá no Instagram @exposicaogestos. Os trampos vão estar por lá também.

Leia também:

Fotos de bebê roubada de mãe grávida em Canelinha devem ser excluídas das redes sociais, decide Justiça

Grande Florianópolis passa a ter mais de 30 mil casos de coronavírus após correção

Edsoul

Colunista

Edsoul

Edsoul sabe tudo o que rola nas comunidades de Floripa. Reivindicações, histórias de superação e serviços interessantes para galera.

siga Edsoul

Edsoul

Colunista

Edsoul

Edsoul sabe tudo o que rola nas comunidades de Floripa. Reivindicações, histórias de superação e serviços interessantes para galera.

siga Edsoul

Mais colunistas

    Mais colunistas