nsc
    nsc

    EM ENTREVISTA AO BOM DIA SC

    “Estamos numa situação bastante difícil”, diz prefeito de Joaçaba sobre a falta de leitos de UTI Covid na região

    Compartilhe

    Eduarda
    Por Eduarda Demeneck
    28/07/2020 - 12h55
    Região de Joaçaba está com os leitos de UTI praticamente lotados para casos de Covid-19
    Região de Joaçaba está com os leitos de UTI praticamente lotados para casos de Covid-19 (Foto: Leo Munhoz / NSC Total, BD)

    Na semana passada 20 municípios do Meio Oeste Catarinense entraram em nível gravíssimo no mapa de risco do governo do estado. Com isso, algumas medidas como a suspensão do transporte público foram adotas na região. Mas, nesta semana a falta de Leitos de UTI para receber acientes com Covid-19 tem preocupado as autoridades locais. Em entrevista ao Bom Dia Santa Catarina desta terça-feira (28), o prefeito Dioclésio Ragnini falou sobre o problema. 

    — Ontem tivemos algumas surpresas e a gente não sabe como eu vai arrumar leitos agora, quais são as regiões que tem leitos disponíveis pra que a gente consiga fazer essa liberação. A gente hoje está numa situação bastante difícil, né. Não tem aonde se jogar –  disse o prefeito. 

    > Leitos de UTI para Covid-19 estão todos ocupados na Serra catarinense

    Na macrorregião do meio oeste, cinco cidades tem hospitais com leitos de UTI Covid: Joaçaba, Caçador, Curitibanos, Concórdia e Videira. Mas, segundo o prefeito de Joaçaba, na maioria a ocupação está praticamente esgotada. 

    — Ontem no final da tarde acabou praticamente esgotando essas vagas que nós tínhamos. Nós temos 54 vagas de UTI em todos esses hospitais, e 50 já estavam lotados – explicou o prefeito em entrevista ao Bom dia Santa Catarina. 

    A previsão é que dez novas vagas de UTI Covid abram em Videira. O hospital da cidade, Salvatoriano Divino Salvador, disse em nota Que a UTI tem dois leitos livres pra atender pacientes com Covid, e que na semana passada recebeu 10 respiradores do governo do estado, e desde então aguarda a habilitação desses novos leitos de UTI. 

    > Enquanto país registra queda na taxa de letalidade por coronavírus, SC tem alta pelo 17º dia consecutivo

    Outra opção que os pacientes do meio oeste teriam seria Lages. Os 30 leitos de UTI Covid nos hospitais Nossa Senhora dos Prazeres e Tereza Ramos estão com 92% de ocupação, segundo o último boletim divulgado pela prefeitura às 11h desta terça-feira (28). Na semana passada a previsão era que 20 novas vagas de UTI Covid fossem abertas, mas só 11 começaram a funcionar.

    O hospital Tereza Ramos tem mais nove leitos de UTI Covid para serem abertos. Segundo a direção quem foi selecionado nos processos seletivos do estado está sendo chamado, mas isso não tem sido o suficiente para suprir a demanda profissionais da saúde pra trabalhar na unidade, já que o número de afastamentos tem aumentado. A secretaria de saúde de Lages está acompanhando essa situação.  

    — No Tereza Ramos nós temos nove leitos que estão prontos, porém não estão disponíveis para serem utilizados porque falta pessoal qualificado para estarem trabalhando junto ao hospital Tereza ramos. Estamos aguardando que eles possam estar abrindo esses leitos o mais breve possível para que a gente possa dar retaguarda – explicou o Secretário de Saúde de Lages, Claiton Camargo.

    Nota do governo de Santa Catarina

    Em nota, a secretaria de saúde do Estado disse que para o Tereza Ramos, em Lages, estão sendo feitas contratações de profissionais e negou que o número de afastamentos seja alto. A secretaria também informou que cabe ao Ministério da Saúde a habilitação de leitos. Nós entramos em contato com o Ministério mas não tivemos retorno.

    > Veja em mapa interativo o avanço do coronavírus em SC

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas