Empresários e executivos do setor de construção civil do Norte do Estado participam, em Joinville, do evento Construir SC 2023, que abriu nesta terça-feira e vai até esta quarta-feira. O especialista Alexandre Britez, mestre em Engenharia Civil pela Universidade de São Paulo, primeiro a palestrar, defendeu a inovação para aumentar a produtividade, a qualidade e reduzir custos no setor.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

O evento é uma iniciativa do Núcleo de Construção Civil da Associação Empresarial de Joinville (Acij) e do Sindicato da Indústria da Construção Civil de Joinville (Sinduscon). O objetivo é oferecer discussões técnicas e networking nesse setor que é um dos mais importantes da economia.

Conforme Alexandre Britez, o setor conta, cada vez mais com novas soluções de métodos construtivos, novos materiais e novos processos. Ele alertou também que boas ideias muita gente tem, mas a inovação só acontece, de fato, quando é aplicada para melhorar a produtividade e reduzir custos.

O presidente do Sinduscon Joinville, Carlos Lopes, destaca que a Construir SC é realizada para discutir tendências e apontar caminhos para melhorar a produtividade da indústria da construção. O evento também discute problemas reais que acontecem nas empresas, disse o presidente do Núcleo de Construção Civil da Acij, Taylor Sevegnani.

Continua depois da publicidade

Entre os palestrantes desta quarta-feira está Marcus Araújo, autor dos livros, em coautoria de Augusto Cury, “Meu Imóvel, Meu Mundo”, “Meu Imóvel, Meu Mundo Kids” e “Mentes Saudáveis, Lares Felizes”. Araújo vai falar sobre A nova (r)evolução do morar.

Atividade do setor

Depois de crescimento acelerado durante a pandemia, o setor da construção civil no Brasil sente o impacto dos juros altos. No segundo trimestre deste ano, cresceu 0,7% e as estimativas da Câmara Brasileira da Indústria da Construção são de que o Produto Interno Bruto (PIB) do setor terá um crescimento de 1,5% em 2023.

No Estado, o setor registra ritmo elevado de atividades este ano. É o terceiro maior gerador de novos empregos formais no ano até agosto, com 12.053 novas vagas, atrás dos serviços e da indústria de transformação. Somente em agosto, foram 1.409 novas vagas. Em Joinville, neste ano, o saldo é de 874 novos postos de trabalho, o maior de SC segundo o Caged, do Ministério do Trabalho.

Publicidade

Além de muita informação relevante, o NSC Total e os outros veículos líderes de audiência da NSC são uma excelente ferramenta de comunicação para as marcas que querem crescer e conquistar mais clientes. Acompanhe as novidades e saiba como alavancar as suas vendas em Negócios SC

Continua depois da publicidade

Leia também:

Folha salarial do governo de SC deve crescer R$ 1,1 bilhão em 2023

Senado aprova projeto que limita juro do rotativo do cartão de crédito

Comitiva da Fiesc visita BID, Bird e embaixada do Brasil nos EUA

Rede atacadista anuncia expansão para RS; veja cidades

“Santa Catarina é o nosso Vale do Silício”, diz presidente do Sebrae Nacional

“Ficou muito simples de usar uma coisa muito poderosa”, diz especialista em IA

Destaques do NSC Total