Banco de investimentos dos estados da Região Sul, o BRDE encerrou 2022 com lucro líquido de R$ 446,6 milhões, o que representa alta de 68,9% frente ao ano anterior. A instituição explica que esse resultado é recorde e resultou do crescimento das operações de crédito, inadimplência inferior a 1%, e evolução de empréstimos com projetos financiados em 1.214 municípios da região.

Continua depois da publicidade

Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

O montante de investimentos no ano passado chegou a R$ 4,4 bilhões, movimentando a economia de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná. O setor que somou mais volume de recursos financiados foi a indústria, com R$ 1,4 bilhão, 50,3% mais que em 2021. Depois vieram a agropecuária, comércio e serviços com R$ 1,1 bilhão cada e o setor de infraestrutura ficou em R$ 877 milhões.  

Segundo o diretor financeiro do BRDE, Eduardo Pinho Moreira, o lucro líquido histórico vai permitir ao banco ampliar a capitalização para investir cada vez mais recursos próprios. Ele destaca também que a capacidade técnica dos servidores da instituição faz diferença na expansão das atividades do banco.

Entre os 39,2 mil clientes ativos do banco na Região sul, está um maior número de micro e pequenas empresas. Esse segmento cresceu 85,7% em total de CNPJs  no banco, principalmente em função do programa do governo estadual SC Mais Renda Empresarial, implantado para ajudar empresas durante a pandemia.

Continua depois da publicidade

Na avaliação do vice-presidente e diretor de Acompanhamento e Recuperação de Crédito, Marcelo Haendchen Dutra, o BRDE está cumprindo a sua função de financiar os investimentos vitais da economia da região. Ele destaca o apoio a grandes empresas, mas com atenção também para inovação e projetos sustentáveis. E para quem tem dificuldades e pagar o financiamento, o banco renegocia.   

Para dar maior atenção à inovação, foi lançado o BRDE Labs. De Santa Catarina, são 100 startups que receberam recursos por meio de parceria com a Associação Catarinense de Tecnologia (Acate). Para esse segmento, o banco promove mentorias, eventos e parcerias com instituições de ensino.

Na área de sustentabilidade ambiental, o BRDE adotou política de responsabilidade e também criou o Banco Verde, que promove e apoia ações para mitigar impactos da atividade do banco no meio ambiente. Entre as fontes de recursos para emprestar, o BRDE tem recorrido a linhas de crédito internacionais, além das brasileiras.

Leia também

Puxada pela indústria, SC fica em segundo lugar na criação de vagas em 2023

Plano de ajuste fiscal de SC soma R$ 4,3 bilhões entre cortes e novas receitas

Nestlé Purina anuncia curso de capacitação com 150 vagas para nova fábrica no Oeste de SC

Gasolina e etanol passam a ter valor fixo de ICMS de R$ 1,4527 em julho

Nova lei de licitações entra em vigor em abril e prefeituras precisam se adaptar

A cidade de SC campeã em contratações na construção civil

Destaques do NSC Total