nsc
nsc

QUAL MARCA?

Empresários de Blumenau com viagem marcada conseguem escolher vacina contra Covid-19

Compartilhe

Evandro
Por Evandro de Assis
10/06/2021 - 06h00
Opção é concedida a quem tem passagem comprada para países com restrições a determinadas marcas
Opção é concedida a quem tem passagem comprada para países com restrições a determinadas marcas (Foto: Joao Vitor Korc, Divulgação)

Empresários de Blumenau têm conseguido escolher qual marca de vacina receberão contra a Covid-19. O direito vem sendo concedido a quem possui viagem marcada a países em que o imunizante ofertado ainda depende de aprovação. Embora a regra não conste do Plano Nacional de Imunização, o município tem sido flexível quando existe outra opção de vacina pronta para ser aplicada no cidadão que procura a central da Vila Germânica.

> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp.

Segundo a vice-prefeita Maria Regina de Souza Soar (PSDB), que coordena a campanha de vacinação no município, os pedidos mais frequentes são de empresários que precisam viajar a negócios. Mas a possibilidade de escolha é extensiva a qualquer blumenauense que apresente passagem comprada e comprovação de que o país de destino só aceita receber imunizados com determinadas marcas. Até o momento, Blumenau recebeu doses da Coronavac, da Astrazeneca e da Pfizer.

— Mas quero deixar claro que não é permitido a escolha de marca de vacina. Somente nesses casos excepcionais onde é comprovado que vai viajar e que lá as outras marcas não são validadas — enfatiza Maria Regina.

Conforme as campanhas de vacinação avançam e países controlam a pandemia de coronavírus, as regras para viagens internacionais têm ficado mais complexas. Países da União Europeia, por exemplo, ainda não aceitam visitantes imunizados com a Coronavac. Porque a vacina chinesa depende de aprovação pelos órgãos europeus. 

Como ela já obteve autorização emergencial da Organização Mundial da Saúde (OMS), há a expectativa de que passe a ser aceita em breve. Mas, enquanto isso, brasileiros imunizados com as duas doses de Coronavac não conseguem entrar em alguns dos países do bloco.

Na dúvida, a orientação da prefeitura é ligar no telefone 156 antes de agendar a vacinação.

Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto no WhatsApp.

Leia também

> Blumenau tenta atrair médicos pelo bolso para atender nos plantões da Covid-19.

> Cinco sinais de que a nova onda de Covid-19 em Blumenau já começou.

> Governo de SC anuncia vacinação em massa; saiba como cidades serão escolhidas

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Mais colunistas

    Mais colunistas