nsc
nsc

Análise

Região de Blumenau tem razões para desconfiar de tanta obra em ano eleitoral

Compartilhe

Evandro
Por Evandro de Assis
19/06/2022 - 06h00
Governo anunciou investimento de R$ 400 milhões entre Gaspar e Brusque
Governo anunciou investimento de R$ 400 milhões entre Gaspar e Brusque (Foto: Divulgação)

O calejado eleitor da região de Blumenau anda desconfiado com tanta obra anunciada pelo governo de Santa Catarina em ano eleitoral. Só em rodovias estaduais do Vale do Itajaí, a Secretaria de Estado da Infraestrutura tem na prancheta quase R$ 1 bilhão em reformas e ampliações. Isso sem contar os recursos do Plano 1.000, que também vão bancar ligações entre municípios, e o projeto de longo prazo de uma estrada paralela à BR-470.

​> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp.

Na semana passada, saiu a licitação para duplicar a rodovia Ivo Silveira, entre Gaspar e Brusque. É a maior obra rodoviária do Estado, estimada em R$ 400 milhões. Ela une-se a projetos anunciados em cidades como Blumenau, Pomerode, Massaranduba, Luiz Alves e Itajaí. Mas o Estado terá condições de executar tudo?

Para o governo, o desafio é convencer a população de que os investimentos terão futuro melhor do que o da Via Expressa de Blumenau, anunciada — veja só! — durante as eleições de 2014 pelo então governador Raimundo Colombo (PSD), que concorria à reeleição. Oito anos e um inquérito do Ministério Público depois, três dos 15 quilômetros previstos estão em obras. Só um dos 15 viadutos necessários tem projeto aprovado e empreiteira contratada. Ninguém arrisca prazo para entregar a ligação com a Vila Itoupava.

Carlos Moisés (Republicanos) tem no caixa estadual reforçado o principal argumento de que a situação agora é diferente. Também pode lançar mão dos R$ 73 milhões já investidos na duplicação da BR-470 como razão para se acreditar que as coisas funcionam com vontade política. Mas nem tudo depende dela.

Tome-se por por exemplo a duplicação da SC-108 entre Massaranduba e Guaramirim, que custará R$ 207 milhões. O Tribunal de Contas do Estado (TCE) apontou irregularidades na licitação, que precisou ser suspensa em março. A obra, anunciada em novembro de 2021, nem empresa definida tem ainda.

Executado, o pacote de obras descrito abaixo será o maior investimento na infraestrutura de Blumenau e região desde a década de 1970. Se, por outro lado, os projetos avançarem no ritmo de sempre, o eleitor terá novos e numerosos motivos para ser pessimista em ano eleitoral.

Obras anunciadas

Massaranduba-Guaramirim (SC-108)

O quê: duplicação de 15 quilômetros

Custo estimado: R$ 207 milhões

Estágio: licitação lançada em 2021 foi suspensa pelo TCE em março

Gaspar-Brusque (SC-108)

O quê: duplicação de 17 quilômetros

Custo estimado: R$ 400 milhões

Estágio: licitação lançada na semana passada

Massaranduba-Luiz Alves (SC-414)

O quê: pavimentação de 12,8 quilômetros

Custo estimado: R$ 58,6 milhões

Estágio: contrato com empresa assinado em 2 de maio

Blumenau-Pomerode (SC-421)

O quê: reforma de 19,7 quilômetros, com 5 kms de terceira faixa

Custo: ainda não definido

Estágio: lançada a licitação do projeto

Elevado na Antônio Heil (SC-486)

O quê: conexão da BR-101 com acessos a Brusque e Itajaí

Custo: R$ 35 milhões

Estágio: ordem de serviço assinada

Via Expressa de Blumenau

O quê: prolongamento de 15,6 quilômetros até a Vila Itoupava.

Custo: R$ 140 milhões

Estágio: obras nos primeiros 3,2 quilômetros e no viaduto da Rua Guilherme Scharf. Falta projetar e licitar outros 14 viadutos.

Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto no WhatsApp. Basta clicar aqui.

​Leia também

Contratada a empresa que construirá o Caminho dos Ipês de Blumenau

Morador de Blumenau poderá ver imagens da régua do Rio Itajaí-Açu ao vivo

Blumenau cria 140 novos cargos para mudar atendimento na saúde

Bolsonaro sanciona lei que concede título de capital a Gaspar

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Mais colunistas

    Mais colunistas