nsc
nsc

Ótima Estreia

Cria do Avaí, Raphinha foi a boa notícia na Seleção Brasileira

Compartilhe

Faraco
Por Faraco
08/10/2021 - 14h13
Raphinha fez sua estreia com a amarelinha
Raphinha fez sua estreia com a amarelinha (Foto: Lucas Figueiredo/ CBF)

O torcedor avaiano teve motivos para se orgulhar na quinta-feira à noite. Vindo do banco, o garoto Raphinha que saiu da Ressacada para Portugal, e que hoje joga na Inglaterra depois de rápida passagem pela França, foi o que de bom se viu na noite de pouco futebol da Seleção Brasileira diante da Venezuela. Uma bela estreia com a camisa pesada da Seleção.

Foram duas assistências – uma para Marquinhos no primeiro gol e outra para Anthony no terceiro – e boas jogadas pelo lado direito no ataque do time do técnico Tite. E para um time que cada vez mais depende do brilho individual ter um jogador com talento e disposição de vencer já é muita coisa.

> Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

Raphinha entrou em campo como se quisesse dizer para o técnico Tite que quer um lugar no grupo que vai à Copa do Mundo no ano que vem. É claro que 45 minutos são quase nada neste contexto, mas se repetir em outros jogos o que mostrou diante da Venezuela, o garoto, ainda desconhecido do torcedor brasileiro, poderá sim estar entre os escolhidos da lista final.

> Para Parreira, o Brasil já está na Copa de 2022

Ele joga no Leeds United, é dirigido por Marcelo Bielsa, e já chamou atenção dos grandes times ingleses na Premier League da temporada passada. Manchester United e Liverpool já estão de olho nele. Com 24 anos ainda, ele tem bastante pra desenvolver e evoluir em nível internacional. O futebol da Seleção Brasileira agradece. E o torcedor do Avaí já tem um jogador na Seleção pra chamar de seu.

Rodrigo Faraco

Colunista

Faraco

Jornalista e comentarista esportivo, sempre atento ao que acontece especialmente no futebol catarinense, faz análises e bastidores dos times do Estado.

siga Faraco

Rodrigo Faraco

Colunista

Faraco

Jornalista e comentarista esportivo, sempre atento ao que acontece especialmente no futebol catarinense, faz análises e bastidores dos times do Estado.

siga Faraco

Mais colunistas

    Mais colunistas