nsc
nsc

Debate polêmico

Loja da Havan no Centro Histórico de Blumenau será avaliada novamente por conselho

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
22/07/2021 - 11h25 - Atualizada em: 23/07/2021 - 10h31
Projeto a ser reapresentado no Cope deve ser praticamente o mesmo
Projeto a ser reapresentado no Cope deve ser praticamente o mesmo (Foto: Reprodução)

A construção de uma megaloja da Havan no Centro Histórico de Blumenau será mais uma vez discutida pelo Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Cultural Edificado (Cope). O projeto consta na pauta da reunião do grupo marcada para a próxima quarta-feira (28). Em encontro no final de maio, a rede varejista recuou ao perceber que conselheiros vetariam a ideia de erguer na região uma unidade com arquitetura que remete à Casa Branca.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

À coluna na última semana, o empresário Luciano Hang descartou a possibilidade de mudar o desenho da loja e criticou o entendimento inicial da maior parte dos conselheiros, dizendo que “a sociedade perde quando inibe o empreendedor”.

O projeto a ser submetido à análise do Cope na próxima semana, de fato, é praticamente o mesmo. O material, no entanto, contém imagens de imóveis do entorno pichados e mal conservados. Isso sugere que a Havan deve defender, na reunião, a tese de que o Centro Histórico está abandonado e que uma nova loja da empresa poderia trazer mais vida à região.

Pela proposta da empresa, a loja teria dois pavimentos. No térreo, o projeto contempla estacionamento com 180 vagas para carros, 100 para bicicletas e 63 para motos. A loja em si ocuparia um segundo piso, com 6,5 mil metros quadrados de área construída.

Fundação Catarinense de Cultura (FCC) e Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) emitiram pareceres favoráveis à intervenção. Por outro lado, órgãos como o Instituto Histórico de Blumenau (IHB), o Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) Núcleo Blumenau e o Conselho Municipal de Polícia Cultural já haviam se manifestado espontaneamente contra a construção.

A reunião do Cope na próxima semana promete, já que o assunto reacendeu a importância de ocupação de uma área nobre na cidade. Os interessados em participar precisam preencher um formulário com antecedência, disponível neste link.

Leia também:

Investidores projetam shopping atacadista com 150 lojas e cinema em Gaspar

Terreno baldio em Blumenau vai dar lugar a condomínio com mais de 200 apartamentos

Fiesc sugere à prefeitura venda parcelada do Complexo do Sesi em Blumenau​​​

Mansão em condomínio de luxo de Jurerê Internacional vai a leilão em ação criminal

Cervejarias fazem apelo por Oktoberfest Blumenau 2021 “com responsabilidade”​​​​​​​​​

​​​​​​Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas