nsc
nsc

MUNICIPALIZAÇÃO

Fiesc sugere à prefeitura venda parcelada do Complexo do Sesi em Blumenau

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
19/07/2021 - 07h21 - Atualizada em: 19/07/2021 - 07h22
Negócio interessa às duas partes
Negócio interessa às duas partes (Foto: Patrick Rodrigues, BD)

A Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc) está disposta a parcelar uma eventual venda do Complexo Esportivo do Sesi à prefeitura de Blumenau. A entidade já tem uma ideia do preço a ser pedido, mas está encomendando uma segunda avaliação da estrutura. Em paralelo, espera que a gestão municipal faça o mesmo, para então comparar valores e avançar nas tratativas.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

Município e federação mantêm sigilo sobre cifras iniciais, sob a alegação de evitar especulação imobiliária. Mas o próprio prefeito Mário Hildebrandt (Podemos) deu uma pista sobre o assunto. Em entrevista ao Santa na quarta-feira da semana passada, ele lembrou que uma proposta de compra do complexo chegou a ser colocada na mesa em 2006. A pedida na época era de R$ 16 milhões. Passados 15 anos e inflação à parte, é de se imaginar que esta quantia seja, no mínimo, o ponto de partida das conversas.

Quando formalizou à Fiesc o desejo de assumir o espaço em definitivo, em abril, a prefeitura falou em “receber”, não em comprar o patrimônio. Ter caixa para fazer uma aquisição desse porte é a maior barreira para concretizar o negócio. Por outro lado, é pouco provável, embora não se descarte a possibilidade, que haja acordo envolvendo algum outro tipo de compensação. A intenção da federação é fazer uma venda direta.

A municipalização interessa às duas partes. Hildebrandt se reuniu novamente na semana passada com o presidente da Fiesc, Mario Cezar de Aguiar, para tratar do assunto. De ambos os lados o comentário é de que a conversa foi produtiva. Regionalmente, já há sinal verde para repassar a estrutura a Blumenau. Mas a transferência ainda precisa receber aval do conselho nacional do Sesi.

Leia também:

Passagem de Moisés por Blumenau tem novo round na queda de braço entre Estado e prefeitura

Hang descarta mudar projeto da Havan no Centro Histórico: “Quem perde é Blumenau”

Mansão em condomínio de luxo de Jurerê Internacional vai a leilão em ação criminal

Cervejarias fazem apelo por Oktoberfest Blumenau 2021 “com responsabilidade”

Vice-presidente da Unimed Blumenau renuncia e cita "misoginia" e "discriminação"​​

Cervejarias de Blumenau se preparam para virar empresas internacionais​​​​​​

​​​​​​Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas