Bar de gelo, árvore de 15 metros de altura com bandeiras de vários países, vila de duendes, novos brinquedos e conexão direta com a Lapônia, a terra do Papai Noel, são algumas das novidades no radar do Natal em Blumenau deste ano. Parte da programação do evento, que será aberta ao público de 17 de novembro a 15 de janeiro, foi apresentada na noite desta segunda-feira (25) a convidados e imprensa.

Continua depois da publicidade

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

Atrações já conhecidas dos visitantes, como o Mercado de Natal, a oficina de bolachas e o mundo da neve, estão mantidas. Brinquedos como roda-gigante e carrossel também. Um mini-barco viking se juntará a eles. A pista de patinação no gelo, sucesso em edições anteriores, será dobrada de tamanho, passando a 400 metros quadrados. A casa do Papai Noel também ficará maior, passando para 260 metros quadrados e com visitação guiada. O Bom Velhinho ainda ganhará o seu próprio escritório.

A lista de atrativos ainda inclui um passeio de trem com parada em uma estação, chocolateria e uma oficina de cartinhas de presentes. Os setores 1 e 2, com decoração temática, serão usados na programação, ampliando a exposição natalina na Vila Germânica para 30 mil metros quadrados. O Natal também estará presente na decoração de ruas e com ações nos bairros de Blumenau.

Parceria com a Lapônia

Uma comitiva de Blumenau liderada pelo prefeito Mário Hildebrandt (Podemos) embarca no dia 17 de agosto rumo a Rovaniemi, capital da Lapônia, no Norte da Finlândia. A região é mundialmente conhecida como a terra do Papai Noel. O objetivo lá é estreitar laços e arranjar um intercâmbio cultural.

Continua depois da publicidade

Outra missão é encaminhar uma parceria para que Blumenau se torne cidade-irmã da Rovaniemi – status que apenas 14 municípios no mundo ostentam. A comitiva será recebida pela prefeita Ulla-Kirsikka Vainio. 

O secretário de Turismo e Lazer, Marcelo Greuel, diz que o contato com as autoridades finlandesas já vem acontecendo há meses. Se der certo, a ideia é replicar ações que já acontecem na Lapônia em Blumenau.

Boris e Rufus

O evento desta segunda-feira (25) também confirmou a parceria do Natal em Blumenau com a Belli, estúdio de animação local. Como a coluna antecipou em primeira mão, a dupla Boris e Rufus, que protagoniza uma série que leva o nome dos personagens, estará presente na programação.

Além de uma área temática dentro da Vila Germânica, Boris e Rufus vão estrelar um episódio especial de Natal, que vai propor uma conexão entre Blumenau e Lapônia. Além de português, a animação será dublada também em alemão. Ela deve ir ao ar em dezembro.

Continua depois da publicidade

Orçamento

A direção da Vila Germânica ainda calcula quanto vai gastar na programação natalina deste ano. Uma prévia do orçamento deve ficar pronta dentro de 10 dias, estima o diretor-geral Guilherme Guenther. A fatura ficará mais cara em função do crescimento da programação, mas parte do acervo da Páscoa, por exemplo, será reaproveitada, diluindo custos.

As licitações para as contratações do que ainda falta serão lançadas em breve. Para pagar a conta, a prefeitura aposta em um bom resultado financeiro da Oktoberfest. Parte do superávit previsto para a festa germânica deve custear a programação natalina.

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Leia também

Justiça encerra recuperação judicial de grande empresa têxtil de Blumenau

Continua depois da publicidade

Hotéis de Blumenau caminham para o melhor ano da história após duro golpe da pandemia

Oktoberfest Blumenau 2022 considera duas opções de local para o parque de diversões

Novo hotel no Centro de Blumenau já tem previsão de inauguração

Destaques do NSC Total