A Macuca que moradores e turistas se acostumaram a ver estacionada em frente à prefeitura de Blumenau já não existe mais. O eixo e a base ainda são os mesmos, mas a restauração em curso está dando à famosa locomotiva uma nova cara, que nem de longe lembra a imagem de degradação que acompanhava um dos mais fotografados cartões postais da cidade.

Continua depois da publicidade

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

Hoje a Macuca repousa no pátio da Exata, construtora contratada para fazer o restauro a um custo de cerca de R$ 300 mil – valor bancado pela Insight, vencedora da concessão da futura Estação Unifique. Toda a estrutura metálica da locomotiva estava podre e já foi removida, diz Fabio Francisco, gerente da empresa.

O trabalho também já incluiu um jateamento abrasivo (processo aplicado em reformas de aço) e a aplicação de uma camada de epóxi, um material que protege contra a ferrugem. Além disso, uma pintura a base de poliuterano promete proporcionar mais resistência à chuva e ao sol quando a locomotiva voltar a ficar exposta ao ar livre.

Veja mais imagens da reforma

Locomotiva passa por uma ampla restauração
Locomotiva passa por uma ampla restauração – (Foto: Adriano Da Nahaia, NSC TV)
Trabalho inclui troca da estrutura e proteção contra ferrugem
Trabalho inclui troca da estrutura e proteção contra ferrugem – (Foto: Adriano Da Nahaia, NSC TV)
Depois que tudo estiver pronto, o veículo será exposto na nova Estação Unifique
Depois que tudo estiver pronto, o veículo será exposto na nova Estação Unifique – (Foto: Adriano Da Nahaia, NSC TV)
Veículo está guardado em pátio de construtora
Veículo está guardado em pátio de construtora – (Foto: Adriano Da Nahaia, NSC TV)

Parte dos insumos utilizados na reforma são os mesmos aplicados na pintura de plataformas de petróleo e em transformadores industriais. Francisco faz questão de ressaltar isso para ilustrar a qualidade do material empregado.

Continua depois da publicidade

> Parque de diversões da Oktoberfest Blumenau terá “chapéu mexicano” e tirolesa

A próxima etapa consiste na recuperação da estrutura de assoalho e da cabine, que foi removida. É um trabalho lento, diz Francisco. Ele estima que tudo deve ficar pronto em dois meses. Restaurada, a Macuca terá como destino final a Estação Unifique, praça em construção ao lado da prefeitura de Blumenau.

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Leia também​

Cooper vai abrir farmácia de rua na frente da Vila Germânica em Blumenau

Empresa de iluminação de Blumenau prepara segunda ampliação de fábrica em dois anos

Lucro da Senior Sistemas cresce 21% no segundo trimestre e vai a R$ 35 milhões​​

Blumenau vai testar sistema de aluguel de patinetes elétricos durante a Oktoberfest

Casa onde nasceu a Dudalina deve virar museu e retomar vocação original de comércio

Antiga Casa Royal no Centro de Blumenau deve dar lugar a dois novos prédios

Destaques do NSC Total