nsc
nsc

Governadora

Daniela Reinehr deve ir com calma

Compartilhe

Renato
Por Renato Igor
28/10/2020 - 05h08 - Atualizada em: 28/10/2020 - 06h58
Governadora Daniela Reinehr
Governadora Daniela Reinehr (Foto: Diorgenes Pandini/ NSC)

A governadora de Santa Catarina Daniela Reinehr começou bem. Equilibrada, num discurso ponderado e sem entrar em divididas. Mas ela não conseguirá se manter distante das polêmicas para sempre. Vai precisar ser uma equilibrista para suportar a pressão de sua base bolsonarista e manter as políticas públicas essenciais ao cidadão em saúde e educação, por exemplo, e sem atropelos.

> Quer receber notícias por WhatsApp? Inscreva-se aqui

O que de pior poderia fazer a governadora era dar um cavalo-de-pau na administração estadual. Implementar o seu estilo e dar seu ritmo desejado na nova gestão, tudo isso fazer parte e é legitimado pelo cargo que ocupa e pelos votos que a colocaram na linha sucessória como vice-governadora.

Mas é de bom senso, também, que se tenha muita responsabilidade, até porque o posto que Reinehr ocupa tem, por ora, prazo, ao que tudo indica, de curta validade. Isso não quer dizer que o governo deve estar em paralisia, não é isso. Mas é preciso ter consciência e responsabilidade de que o cenário para a volta do governador Carlos Moisés da Silva é muito grande e num prazo bem menor do que os seis meses de afastamento máximo até o Tribunal de Julgamento analisar o mérito e julgar.

O Tribunal de Julgamento do impeachment da equiparação salarial deve ser antecipado e Moisés, pela lógica jurídica e política, será inocentado - na medida em que bastam os quatro desembargadores que votaram pelo arquivamento manterem suas posições. E a vontade política na Alesc é muito mais pró Moisés do que Daniela.

A conclusão do inquérito da Polícia Federal, no caso dos respiradores, ao apontar que não há indício de crime praticado por Moisés, deve abreviar o Tribunal de Julgamento do chamado “conjunto da obra”, que trata da compra desastrosa.

Portanto, que Daniela tenha o sexto sentido feminino que lhe dê responsabilidade para não revolucionar um governo num período tão delicado de volta às aulas, enfrentamento à pandemia, necessidade de retomada econômica segura e pré-temporada de verão.

Leia mais:

Os recados na primeira fala oficial de Daniela como governadora de SC

PF conclui que Moisés não cometeu crime na compra dos respiradores

Renato Igor

Colunista

Renato Igor

Apresentador e comentarista na CBN Diário e NSC TV, Renato Igor faz análises e traz as notícias sobre o que acontece em Santa Catarina e o que influencia os rumos do Estado.

siga Renato Igor

Renato Igor

Colunista

Renato Igor

Apresentador e comentarista na CBN Diário e NSC TV, Renato Igor faz análises e traz as notícias sobre o que acontece em Santa Catarina e o que influencia os rumos do Estado.

siga Renato Igor

Mais colunistas

    Mais colunistas