O senador Esperidião Amin (PP) fez um forte discurso nesta sexta-feira (7) contrário ao processo de impeachment do governador Carlos Moisés da Silva. Em entrevista ao programa Estúdio CBN Diário, afirmou que o momento é inadequado:

Continua depois da publicidade

“Eu acho uma crueldade como povo de Santa Catarina que o impeachment seja prioridade do parlamento nesse momento”, afirmou o ex-governador, ao se referir que o país enfrenta a pandemia do novo coronavírus e uma grave crise econômica.

>TJ-SC suspende tramitação do impeachment de Moisés

>Suspensão do impeachment de Moisés deve levar ao menos 40 dias para ser julgada

Na próxima terça-feira (11), o senador participa da reunião da bancada do PP.

Continua depois da publicidade

“Vou lutar pela unidade do meu partido e vou ouvir aqueles que vão votar. Eu tenho pena de nós mesmos, catarinenses, que estejamos vivendo neste momento uma questão que não é contemporânea à pandemia. Neste momento paralisarmos até a CPI dos Respiradores para tratar desse assunto. Isso me constrange e me entristece”, finalizou.

>Contorno Viário: decisão do TCU revela fragilidade na atuação da ANTT

Acompanhe a entrevista com o senador Esperidião Amin. Ele inicia falando sobre a obra do contorno viário da Grande Florianópolis:

Destaques do NSC Total