nsc
nsc

Imunização

Atrás do calendário: por que Joinville volta a pedir remessa extra da vacinas contra Covid

Compartilhe

Saavedra
Por Saavedra
21/07/2021 - 10h26 - Atualizada em: 21/07/2021 - 12h37
Calendário do governo do Estado prevê vacinação da população adulta até o final de agosto
Calendário do governo do Estado prevê vacinação da população adulta até o final de agosto (Foto: Arquivo AN)

A prefeitura de Joinville voltou a cobrar reforço no envio de mais doses de vacinas contra Covid. Em ofício enviado pela Secretaria de Saúde de Joinville à Secretaria de Estado da Saúde, é feita alegação de que o fornecimento até agora não é suficiente para o atendimento da próxima etapa do calendário de vacinação, de aplicação da primeira dose nas pessoas com 35 anos ou mais até quinta-feira. Nesta quarta-feira, novo agendamento foi anunciado, com abertura escalonada.

> Vacinação contra a Covid em Joinville avança para público acima de 35 anos; veja como agendar

> Receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

A Secretaria de Saúde de Joinville fez um levantamento com base no cadastramento da vacinação contra Covid, feito pelo site da prefeitura, e nas estimativas do IBGE de 2020, baseadas em tendências verificadas no Censo de 2010. A distribuição da população entre as faixas etárias pode ter se alterado desde então, mas sem novo Censo, é a ferramenta disponível para o cálculo da população a ser vacinada. É com base nela que Joinville estima ter em torno de 450 mil pessoas na população com 18 anos ou mais, o público a ser vacinado até o final de agosto, conforme o cronograma do governo do Estado.

O levantamento da secretaria municipal apontou quantas pessoas ainda não se vacinaram em cada faixa etária, levando em conta o número total de moradores (sem “retirar” do cálculo quem não pretende se vacinar, aguarda por um tipo específico de imunizante ou que não agendou por outro motivo qualquer). Nessa conta, para zerar o público com 35 anos ou mais, ainda seriam necessárias mais 84 mil doses para atingir 100% do público.

No cálculo, estão todas as faixas etárias acima de 35 anos, incluindo, evidentemente, aquelas que tiveram agendamento abertos há mais tempo, no início da imunização. Nesta quarta-feira, foi aberto novo agendamento, com oferta de 20,7 mil horários – o que reduz a demanda necessária, mas mantém a necessidade de remessa extra.

> Câmara de Joinville quer veto de Bolsonaro ao aumento no fundo eleitoral

> Em prazo “ousado”, Joinville quer lançar edital dos ônibus em um ano

> Custo e impacto no “subsídio” afetam volta de todos os horários de ônibus em Joinville

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Mais colunistas

    Mais colunistas