nsc
    nsc

    TESTAGEM TAMBÉM FOI MAIOR

    Dezembro já é o mês com mais novos casos de coronavírus em Joinville desde o início da pandemia

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    23/12/2020 - 09h43
    Em dezembro, já foram realizados mais de 24 mil testes para coronavírus em Joinville
    Em dezembro, já foram realizados mais de 24 mil testes para coronavírus em Joinville (Foto: Arquivo AN)

    Ainda restando uma semana para o final, dezembro já é o mês com maior registro de novos casos de coronavírus em Joinville desde o início da pandemia. Pelos boletins da prefeitura, são 9,6 mil novos casos confirmados desde o dia 1º, superando julho, quando foram 6,8 mil registros.

    > Por que Joinville e região podem permanecer no risco “gravíssimo” até fevereiro

    > Joinville teve 1,2 mil profissionais da saúde afastados por causa do coronavírus

    > Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

    No entanto, se forem consideradas as internações, o pico é o de agosto, quando 202 pessoas chegaram a estar recebendo atendimento em hospitais no mesmo dia. Em dezembro, o contingente mais elevado de pacientes internados foi registrado na semana passada, com 176 pessoas – houve recuo e agora são 147. Joinville teve 38,7 mil registros de Covid-19 desde março, com 32,9 mil recuperados. Nesse período, o coronavírus provocou 460 mortes na cidade.

    A testagem também foi maior em dezembro, com aplicação de 25,4 mil testes em 22 dias. No entanto, a proporção de novos casos ainda é maior neste mês: em novembro, por exemplo, foram 22,8 mil testes e 5,8 mil casos. Mesmo no mês de mais confirmações de Covid-19 em Joinville, julho, foram quase 19,2 mil exames.

    Depois da elevação nas primeiras semanas do mês, Joinville está registrando agora a redução em casos ativos (situação em que o paciente não pode ser considerado recuperado porque não se passou ainda o período de isolamento, o que mantém a possibilidade de transmissão). Na semana passada, a Secretaria de Saúde de Joinville tinha o registro de 7,1 mil casos ativos. No boletim desta terça-feira, eram 5,1 mil. Ainda assim, maior do que os 3,8 mil do início do mês.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas