nsc
nsc

Atendimento

Ocupação diminui, mas Joinville continua sem previsão para desativar “hospitais de campanha” para Covid

Compartilhe

Saavedra
Por Saavedra
13/04/2021 - 10h13
UPAs Leste e Sul foram transformadas em hospitais de campanha no início do mês passado
UPAs Leste e Sul foram transformadas em hospitais de campanha no início do mês passado (Foto: Divulgação)

A desativação dos “hospitais de campanha” para Covid não tem previsão em Joinville. Houve queda na ocupação nos últimos dias, inclusive a UPA Sul (Itaum) retomou o atendimento de outras situações e doenças. Mas a estrutura para pacientes com coronavírus será mantida na unidade, assim como na UPA Leste (Aventureiro), por prazo indeterminado porque os indicadores da pandemia na cidade ainda não permitem a desmobilização das unidades de pronto-atendimento para coronavírus.

> Em análise de ação sobre “tratamento precoce” em Joinville, Justiça solicita informações à prefeitura

> Moção na Câmara de Joinville sugere contratação de organização social para “tratamento precoce”

> Reparos nas ruas da área central de Joinville começam nesta semana​​​​

> Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

A ocupação das unidades de pronto-atendimento teve queda nos últimos dias em Joinville. As pessoas atendidas em UPAs e PAs estão sendo tratadas em leitos, mas fazem parte da lista de espera pela transferência para vagas hospitalares, seja UTIs ou leitos clínicos.

Pela última atualização divulgada pela Secretaria de Estado de Saúde, com base na manhã de segunda-feira, Joinville tem 42 pacientes esperando por leito de UTI, a maioria já internadas em hospitais. Nas UPAs, são 15 pacientes com essa demanda. A fila para leitos clínicos para coronavírus está concentrada nas unidades de pronto-atendimento, com 33 pessoas aguardando transferência.

> Justiça tem decisão em Joinville sobre recuperação de ruas atingidas pelas obras do Mathias

> Sem prazo para volta das obras, novo traçado do trem em Joinville tem série de pendências

Na segunda-feira da semana passada, eram 67 pessoas com Covid esperando por leitos de UTIs, sendo 19 na fila em unidades de pronto-atendimento. A demanda por leitos clínicos em Joinville chegava a 61 pessoas. O boletim de segunda-feira apontou 315 pessoas internadas em Joinville com coronavírus, em tratamento em UTIs e enfermarias. Na segunda da semana passada, o número era o mesmo.

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Mais colunistas

    Mais colunistas