nsc
    nsc

    PANDEMIA DE COVID

    “Não pode esperar”: Saúde de Joinville insiste em busca de atendimento em caso de sintomas

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    07/04/2021 - 14h17
    Agravamento da pandemia em Joinville se intensificou a partir do final de fevereiro
    Agravamento da pandemia em Joinville se intensificou a partir do final de fevereiro (Foto: Divulgação)

    A Secretaria de Saúde de Joinville está insistindo para que as pessoas com sintomas da Covid-19 busquem atendimento na rede de saúde, principalmente em caso de agravamento. Em entrevista à Rádio CBN Joinville nesta quarta-feira, o secretário Jean Rodrigues abordou o tema. “O que não pode é esperar agravar em casa, não pode esperar ter os sintomas de agravamento em casa, precisa procurar um serviço de saúde”, alegou Jean.

    > Joinville abre 2 mil horários para vacinação de idosos com 66 anos ou mais

    > Joinville contrata 20 leitos de enfermaria em hospital filantrópico

    >Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

    Nas últimas duas semanas, Joinville tem mantido mais de 300 internações em hospitais devido ao coronavírus. Há também pacientes em atendimento em unidades de pronto-atendimento, aguardando a transferência para leito hospitalar, seja de UTI ou clínico. O número de casos ativos cai em relação a março, mas a demanda hospitalar não deve recuar em abril, até por causa da fila de espera por transferência.

    Na entrevista, entre outros temas sobre a pandemia, o secretário Jean reforçou os pedidos de busca por atendimento em casos de sintomas citando ainda que há pessoas que aguardam “muito tempo” em casa, chegando em situação grave na unidade de saúde.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas