nsc
    nsc

    Prevenção

    Novo decreto em Joinville é resposta ao avanço da pandemia e às denúncias de aglomeração

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    09/07/2020 - 18h00
    Se a situação da pandemia se agravar nos próximos dias, novas medidas deverão ser anunciadas
    Se a situação da pandemia se agravar nos próximos dias, novas medidas deverão ser anunciadas (Foto: Mauro Schieck, arquivo pessoal)

    As novas medidas de restrição tomadas hoje por Joinville são resultado do descumprimento parcial de decretos anteriores e do propósito de evitar lockdown. As aglomerações à noite e nos fins de semana, em parte dos estabelecimentos (e também em espaços públicos, principalmente aos sábados e domingos) estão motivando boa parte das denúncias recebidas pela prefeitura de Joinville nos últimos dias. Inclusive as patrulhas coronavírus deslocaram equipes para atuar na fiscalização nesses horários. “Temos que atender a demanda da fiscalização”, diz o secretário municipal de Saúde, Jean Rodrigues da Silva.

    > VÍDEO: idosa desrespeita decreto e força entrada em shopping de Joinville para almoçar

    A maior ocupação dos leitos de UTI por causa do coronavírus elevou a pontuação da cidade na matriz de riscos de pandemia e, com isso, surgiu a necessidade de normas mais duras. Acabaram sendo escolhidas as atividades que estavam no radar da prefeitura há pelo menos duas semanas – as limitações divulgadas hoje chegaram a ser mapeadas para o decreto do dia 23 de junho, mas ficaram fora, naquele momento. Agora, chegou a vez de adotar tais medidas, divulgadas hoje e com validade a partir de sábado.

    Em relação ao lockdown, com medidas de fechamento de atividades consideradas não essenciais, não há previsão de adoção em Joinville neste momento. Mas, em caso de agravamento da pandemia, novas regras podem ser adotadas ao final dos próximos 14 dias.

    > Prefeitura de Joinville poderá requisitar leitos privados para atendimento de covid-19

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas