nsc
    nsc

    AUTUALIZAÇÃO NESTA QUINTA

    Pontuação cai, mas Joinville e região continuam em risco “grave” em matriz

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    15/10/2020 - 08h33
    Expectativa agora é que recuo na classificação de Joinville e região recue na próxima semana
    Expectativa agora é que recuo na classificação de Joinville e região recue na próxima semana (Foto: Mauro Schlieck, arquivo pessoal)

    As expectativas se confirmaram e Joinville e região se mantiveram no nível “grave” na matriz de risco para a pandemia, com atualização na manhã desta quinta-feira. O recuo na pontuação foi significativo em relação à semana passada, de 2,75 para 2,37, mas para o grau “alto” ser alcançado, os pontos não podem passar de 2. Mas essa diminuição abre possibilidades de a regional Nordeste atingir o nível “alto” na próxima semana, condição na qual apenas quatro das 16 regiões estão neste momento.

    > Joinville reserva testes para compra em caso de segunda onda do coronavírus

    > Eleições 2020: candidatos a prefeito de Joinville apresentam propostas para a economia

    A Secretaria de Saúde de Joinville tem o entendimento de se não fossem alterados os critérios envolvendo os leitos de UTI, a região Nordeste poderia ter chegado ao nível “alto” já nesta semana. A escala da matriz tem ainda os níveis “gravíssimo” e “moderado”, este de menor gravidade para a pandemia.

    Com a permanência da regional Nordeste em situação “grave” na matriz, a Secretaria de Educação de Joinville deve se manifestar ainda nesta quinta-feira sobre o adiamento nas aulas presenciais, até então previsto para a próxima terça-feira. O retorno estava condicionado à melhoria na matriz – aulas presenciais só são autorizadas nos níveis “alto” e “moderado”. Os planos da secretaria são limitar a retomada às aulas de reforço, permitidas na atual classificação de risco de Joinville.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas