nsc
nsc

ENTRE ARAQUARI E SÃO FRANCISCO

Repasse do Estado para duplicação da BR-280 pode abrir nova frente de obras

Compartilhe

Saavedra
Por Saavedra
03/06/2021 - 08h00
Uma das frentes de trabalho é no contorno de São Francisco do Sul
Uma das frentes de trabalho é no contorno de São Francisco do Sul (Foto: Divulgação)

Se os recursos forem efetivamente liberados, os R$ 50 milhões do governo do Estado para a duplicação da BR-280 terão peso importante para as obras entre São Francisco do Sul e Araquari. A Assembleia Legislativa derrubou os vetos da então governadora em exercício Daniela Reinehr aos projetos de participação do Estado em obras federais, a pedido do próprio governador Carlos Moisés, e agora as propostas serão transformadas em lei. O pacote, com as demais BRs, prevê R$ 350 milhões.

> DNIT tenta R$ 320 milhões para a duplicação da BR-280; desapropriações são desafio

> Secretário de Infraestrutura de Joinville fez defesa da construção de elevados

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Pelo orçamento da União, a duplicação dos três lotes da BR-280 entre São Francisco do Sul e Jaraguá do Sul tem previsão de contar com R$ 60,7 milhões. O ideal seria uma quantia próxima de R$ 300 milhões. Além de reduzida, o montante definido no orçamento da União teve contingenciamento, sendo reduzido temporariamente para R$ 45 milhões.

Mas mesmo pela programação inicial, o lote de São Francisco do Sul e Araquari teria direito a R$ 11,1 milhões. O recurso é suficiente para manter os trabalhos no novo traçado em São Francisco do Sul e a construção do elevado em Araquari, no entorno do Instituto Federal Catarinense (antigo Colégio Agrícola). Mas não mais do que isso.

Caso sejam repassados os R$ 50 milhões, incluídos no projeto de lei por meio de emendas de deputados, o DNIT pretende manter as duas atuais frentes de trabalho e abrir uma nova, em Araquari, em trecho de contorno. Além disso, seria possível usar os recursos da União para o início das desapropriações no lote 1: são 615 áreas a serem compradas, em estimativa de custo de R$ 170 milhões. Ou seja, a participação do Estado dará um novo ritmo à duplicação da BR-280 no segmento entre São Francisco do Sul e Araquari.

> Contrato de concessão dos aeroportos de Joinville e de Navegantes será assinado em setembro

> Prefeitura de Joinville terá de renovar certificado para usar recurso estadual no Eixo K

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Mais colunistas

    Mais colunistas