nsc
dc

Educação

Alunos de escolas públicas de SC comemoram 1º lugar em Medicina na UFSC: "Dever cumprido"

Ambos disputaram vagas no mesmo curso através da nota do Enem, por diferentes cotas, e conquistaram as melhores classificações

27/04/2021 - 05h00 - Atualizada em: 27/04/2021 - 06h14

Compartilhe

Redação
Por Redação DC
Carolina
Por Carolina Fernandes
Pablo Gabriel Machado e João Vitor Mezomo, aprovados na medicina UFSC
Pablo Gabriel Machado e João Vitor Mezomo, aprovados na medicina UFSC
(Foto: )

Dois estudantes da rede pública catarinense conquistaram o primeiro lugar em medicina na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), através das notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Pablo Gabriel Machado, de 18 anos, fez 811 pontos, enquanto que João Vitor Mezomo, de 20, fez 839. Ambos disputaram vagas no mesmo curso, mas por diferentes cotas, conquistando as melhores classificações.

 >Receba as principais notícias de SC por WhatsApp

> SC tem 4 entre as 100 instituições de ensino superior com melhores notas do MEC; veja a lista

Desde 2016, a UFSC oferece cerca de 30% de suas vagas para ingresso por meio do Sisu, que usa a nota dos alunos na edição do Enem do ano anterior, somado à renda familiar comprovada. Neste ano, a instituição ofereceu 1.867 vagas para ingresso em cursos de graduação. 

Em medicina, com a política de ações afirmativas, cinco pessoas alcançaram o pódio dos aprovados. Pablo, de Caçador, no Oeste catarinense, João Vitor, de Jaraguá do Sul, no Norte, estão entre eles. 

- Foi uma sensação de dever cumprido e de que todo o esforço valeu a pena", afirma João Vitor, sobre a conquista. 

O estudante disse ter afinidade com disciplinas relacionadas ao curso que escolheu e falou que pretente atuar como agente de promoção de qualidade de vida, quando formado.

> UFSC planeja vestibular presencial para o segundo semestre de 2021

> Previsão da Educação para vacinar professores surpreendeu Carmen Zanotto

Já Pablo, disse que a pandemia não só estimulou o jovem a seguir com os estudos, como reforçou o desejo pela escolha tomada:

- Durante a pandemia, pude perceber isso. Eu queria ajudar, mas precisava me manter em distanciamento social. E isso me motivou muito a continuar estudando para eu conseguir ser aprovado no curso de medicina e me tornar médico.

O início do primeiro período letivo dos cursos de graduação de 2021 está marcado para começar no dia 14 de junho. Com as aulas remotas por conta da pandemia, os calouros permanecerão em suas cidades, até a volta das aulas presencias.

Leia também

Beira-Mar Norte precisa de “no mínimo cinco anos” para ter balneabilidade, diz Casan

Lagartas que causam queimaduras são encontradas em árvores de Florianópolis

Fiscalização encerra festas e interdita bares por aglomeração em SC

Colunistas