nsc
dc

Dinheiro no bolso

Beneficiários do Bolsa Família recebem Auxílio Emergencial 2021; veja calendário e como contestar

Nesta sexta-feira (30), últimos beneficários recebem a primeira parcela do auxílio; contestatação pode ser feita até sábado (1º)

19/04/2021 - 08h18 - Atualizada em: 01/07/2021 - 09h33

Compartilhe

Maria Eduarda
Por Maria Eduarda Dalponte
Beneficiários do Bolsa Família recebem primeira parcela do auxílio emergencial
Beneficiários do Bolsa Família recebem primeira parcela do auxílio emergencial
(Foto: )

Os trabalhadores inscritos no Bolsa Família recebem a primeira parcela do Auxílio Emergencial 2021 em abril. O pagamento iniciou na sexta-feira (16) e termina nesta sexta (30) com os beneficiários cujo NIS termina em 0. O benefício é pago pela Caixa Econômica Federal e a ordem respeita o último número do NIS.

> Auxílio Emergencial 2021: saiba como sacar

> Receba as notícias do NSC Total no WhatsApp

As parcelas serão pagas de acordo com o próprio calendário do Bolsa Família, nas mesmas datas do benefício regular para quem é inscrito no programa social. Os trabalhadores que recebem pela Poupança Social Digital, podem movimentar o valor pelo aplicativo Caixa Tem ou sacar por meio do Cartão Bolsa Família ou Cartão Cidadão.

São mais de 10 milhões de pessoas inscritas no programa que receberão o auxílio emergencial em abril. Ao todo, R$ 2,98 bilhões serão distribuídos para esse público. A maior parte dos beneficiários são mulheres chefes de famílias, que recebem R$ 375 cada, de acordo com os novos valores do auxílio.

Os demais beneficiários do Bolsa Família, que somam 4,59 milhões de pessoas, não foram considerados elegíveis para receber o Auxílio Emergencial 2021 em abril. Eles seguem recebendo o valor habitual do programa. 

> Auxílio emergencial no Imposto de Renda 2021 deve ser declarado?

Para que um trabalhador inscrito no Bolsa Família receba o auxílio emergencial é necessário que pessoas no grupo familiar atendam aos critérios do benefício. Além disso, o valor do auxílio precisa ser maior que a quantia já recebida pelo Bolsa Família. Caso contrário, o trabalhador continua ganhando o valor do programa.

Contando todos os beneficiários do Bolsa Família, entre os que continuam ganhando o valor do programa e os que recebem o auxílio, 14,6 milhões de famílias receberão os benefícios, o maior número de beneficiários já registrado na história do programa.

Como conferir se você receberá o auxílio emergencial

A consulta para os inscritos no Bolsa Família que querem saber se têm direito ao auxílio emergencial 2021 começou na sexta-feira (16). Os dados podem ser consultados em www.cidadania.gov.br/auxilio.

Caso você seja integrante do Bolsa Família e não foi contemplado em abril, é possível fazer a contestação no Portal de Consultas da Dataprev. O período de contestações para esse público segue até 1º de maio.

Em caso de dúvidas, a central telefônica 111 da Caixa funciona de segunda a domingo, das 7h às 22h. Além disso, o beneficiário pode consultar o site auxilio.caixa.gov.br.

Veja o calendário de pagamento do Bolsa Família em abril

Calendário Bolsa Família
Calendário Bolsa Família
(Foto: )

Auxílio emergencial para beneficiários fora do Bolsa Família

Os beneficiários que não são do Bolsa Família podem começar a sacar e fazer transferências a partir desta sexta-feira (30). Cronograma segue a data de nascimento do trabalhador.

> Auxílio Emergencial 2021: veja o calendário de pagamentos de abril

*Sob supervisão de Augusto Ittner

Leia também

Travesti presa em Florianópolis tirava fotos de clientes e os extorquia após programas, diz polícia

Faustão fecha contrato de cinco anos com a Band

Eisenbahn desiste da Oktoberfest Blumenau

Colunistas