nsc
an

Susto

Bombeiros salvam bebê de um mês engasgado com leite materno em Papanduva; assista

A menina chegou ao quartel já inconsciente e com sinais vitais alterados; ela foi levada pelos pais

15/10/2021 - 07h30 - Atualizada em: 15/10/2021 - 08h11

Compartilhe

Redação
Por Redação AN
Um dos soldados pegou a criança no colo e iniciou o procedimento de tapoagem
Um dos soldados pegou a criança no colo e iniciou o procedimento de tapoagem
(Foto: )

Um bebê de apenas um mês foi salvo de um engasgamento com leite materno pelo Corpo de Bombeiros de Papanduva, no Planalto Norte catarinense, na tarde de quinta-feira (14). A menina foi levada ao quartel pelos pais, com sinais vitais alterados. 

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Os socorristas realizavam a limpeza na fachada da base militar quando, por volta das 14h10, perceberam um carro estacionando e uma mulher saindo de dentro do veículo, com um bebê em seus braços. Quando chegou ao local, a menina já estava inconsciente. 

Um dos soldados que ali estava pegou a criança no colo e iniciou o procedimento de tapoagem, que consiste em deitar o bebê de bruços e, com uma das mãos, bater em formato de concha nas costas até a desobstrução das vias aéreas.

Após o procedimento, a criança voltou a respirar, foi atendida dentro da ambulância e conduzida com auxílio de oxigênio ao hospital São Sebastião, para passar por avaliação médica. Uma câmera de segurança do quartel registrou toda a mobilização dos bombeiros. 

Assista ao vídeo

Leia também:

Filho mata a própria mãe a tiros e facadas em Joinville, foge de bicicleta e acaba preso

Homem é assassinado a facadas pelo próprio irmão em Joinville​

Bailarina volta para casa após acidente em Joinville: ‘Poderia ter sido pior’

Quem é Dom Orlando Brandes, arcebispo catarinense que deu sermão contra o armamento

Colunistas