nsc
    dc

    Pandemia

    Chapecó recebe profissionais de Florianópolis e São Paulo para abrir leitos para pacientes com Covid-19

    Médicos e enfermeiros chegam em aviões emprestados por empresários e estão sendo encaminhados direto para atendimento dos pacientes com Covid-19

    20/02/2021 - 20h35

    Compartilhe

    Cláudia
    Por Cláudia Morriesen
    foto mostra médico caminhando em corredor de hospital
    Cidade precisa abrir 70 novos leitos de UTI e enfermaria, no total
    (Foto: )

    Chapecó recebe 18 profissionais de saúde, entre médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, na noite desta sábado (20) para reforçar o atendimento de pacientes em estado grave de coronavírus. Ele chegam entre 20h30 e 23 horas, em aviões particulares emprestados por empresários da região e, segundo o prefeito João Rodrigues, irão direto para o Hospital Regional de Chapecó para abrir 42 novos leitos na enfermaria do Hospital Regional de Chapecó. 

    > Acompanhe dados da vacinação em cada município de SC no Monitor da Vacina

    Quatro profissionais de Florianópolis chegaram em um voo antes das 21 horas. Outro grupo chega nas próximas horas, vindos de São Paulo, e dois deles são do Oeste de Santa Catarina. Eles são terceirizados e foram convocados neste sábado, após uma reunião feita entre o prefeito com o Secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, para abrir os novos leitos com urgência.

    > Mulher de 41 anos morre por Covid em casa nos braços de marido e filhos em Florianópolis

    — O hospital contratou uma empresa, que chamou para Chapecó profissionais que não estavam disponíveis aqui no mercado. Porque a dificuldade é contratar profissionais de momento. Só que aí tínhamos outro problema, como traz esse pessoal para Chapecó para começar a trabalhar já? As linhas aéres não estão disponíveis a toda hora — explicou o prefeito em vídeo, após a chegada dos primeiros profissionais. 

    Após a reunião da manhã, um chamamento foi feito pelas redes sociais pedindo ajuda de proprietários de aviões particulares. Sete empresários se apresentaram, e três foram acionados para colaborar com o transporte dos profissionais de saúde. 

    Segundo a Prefeitura de Chapecó, o Hospital Regional de Chapecó terá 70 novos leitos de UTI e enfermaria para pacientes infectados com coronavírus no município. Do total de leitos novos disponíveis, 20 serão para Unidade de Terapia Intensiva e 50 serão leitos para a enfermaria. 

    > Painel do Coronavírus: saiba como foi o avanço da pandemia em SC

    Leitos são abertos e ocupados imediatamente

    Ainda na manhã de sábado, 18 dos 22 leitos de UTI disponibilizados na terça-feira (17) já estavam ocupados. Além disso, oito dos 50 novos leitos que foram disponibilizados neste sábado também já estavam ocupados. 

    A região Oeste vive um colapso na rede de saúde desde o início de fevereiro. Chapecó é a cidade catarinense que tem o maior número de casos ativos: eram 2.773 pessoas segundo o boletim do Governo do Estado deste sábado. Na quinta-feira a prefeitura divulgou medidas são para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus na cidade e, consequentemente, na região Oeste.

    > Mãe dá à luz durante internação por Covid-19 no Oeste de SC: “Parece que acordei de um sonho”

    > Apenas uma região de SC não está no nível gravíssimo para a Covid-19

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas